Mídias Sociais

Destaque

Cadastro de covardes, proposto pelo vereador Robson Oliveira, é aprovado por unanimidade na Câmara de Macaé

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Homens com histórico de violência contra a mulher aparecerão no cadastro, que poderá ser solicitado por qualquer membro da sociedade civil.

Foi aprovado na manhã desta terça-feira (30), por unanimidade dos vereadores presentes na sessão ordinária da Câmara Municipal de Macaé, o requerimento 276/2019 do parlamentar Robson Oliveira, que propõe o "cadastro municipal de covardes". A proposta é criar uma listagem de homens com histórico de violência contra a mulher.

No documento, Robson solicita ao presidente da Casa, que firme um convênio ou parceria com o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), para que o site da Câmara passe a disponibilizar o rol de homens condenados por violência contra a mulher, Lei Maria da Penha, e feminicídio, seja ele tentado ou consumado.

Desta forma, homens que já tenham antecedentes criminais por violência contra a mulher, aparecerão no cadastro, que poderá ser solicitado por qualquer membro da sociedade civil.  "Solicitei que seja colocado no site da Câmara o nome de todos os condenados pela Lei Maria da Penha no município. Dessa forma,  toda cidade ficará atenta à esse tipo de covardia. Aqui é assim, não tem refresco pra vagabundo", afirmou o parlamentar.

A ideia foi sugerida pelo deputado estadual subtenente Bernardo (Pros), que já afirmou que irá propor um projeto de Lei apelidado de "Minha filha, Minha vida", que pretende fazer com que a informação seja solicitada através do CPF do cidadão.


 

Clique Diário

E. L. Mídia Editora Ltda
CNPJ: 09.298.880/0001-07
Redação: Avenida Atlântica, 2.500, sala 22 – Cavaleiros – Macaé/RJ

[email protected]
(22) 2765-7353

Mais lidas do mês