Mídias Sociais

Política

Cabo Frio tem mais de 14 milhões do FPM retidos

Avatar

Publicado

em

 

O prefeito de Cabo Frio Alair Correa (PP) tem externado aos quatro cantos que a crise financeira é a responsável por todo o caos que a cidade se encontra. É de conhecimento de todos que os cofres públicos estão vazios, mas a situação poderia estar diferente se o Poder Executivo tivesse um pouco mais de transparência e competência em suas ações.

Acontece que Cabo Frio tem mais de 14 milhões retidos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Essa verba está retida desde o dia 13 de março desse ano, que foi quando a prefeitura passou a integrar a lista de inadimplentes no Sistema Integrado de Administração Financeira (SIAFI).

De acordo com a Secretaria de Receita Federal, Cabo Frio entrou na lista de inadimplência pela falta de envio de documentos necessários para que a cidade tenha os recursos liberados. Com o bloqueio, Cabo Frio não pode receber alguns repasses federais, como o FPM, que desde a data do bloqueio já representa exatamente R$ 14.139.642,18 (quatorze milhões, cento e trinta e nove mil, seiscentos e quarenta e dois reais e dezoito centavos).

Esse valor não iria resolver todos os problemas da cidade, que, diga-se de passagem, são muitos. Mas com certeza iria ajudar a amenizar a situação que já é crítica. O vereador Dr. Adriano falou sobre esse momento crítico que a cidade vive: “A cidade está em uma situação calamitosa. O que falta é transparência do poder público. Prestação de contas é primordial para uma administração limpa” – finalizou o vereador.

 

Mateus Marinho

Mais lidas da semana