Mídias Sociais

Polícia

Tamoios, distrito de Cabo Frio, vivencia terceiro dia de insegurança, após a morte do chefe do tráfico

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

O clima de insegurança continua instaurado pelo terceiro dia no distrito de Tamoios, em Cabo Frio. Moradores temem represália por parte de criminosos, após a morte do chefe do tráfico da localidade de Aquarius, ocorrida na manhã da última terça-feira, 23, durante um confronto com a Polícia.

O mutirão de atendimentos, que seria realizado nesta quinta-feira, 25, pelo Cras de Tamoios, no Ginásio Poliesportivo, foi cancelado. De acordo com a Secretaria Municipal de Assistência Social, a decisão foi tomada por medidas de segurança. Uma nova data para realização do evento está sendo avaliada pela secretaria.

Os postos de saúde de todo o Distrito também foram orientados a encerrar os atendimentos no início da tarde desta quinta-feira, 25.

As aulas continuam suspensas, nesta quinta-feira, 24, nas escolas municipais Prof.ª Luceléa Rodrigues da Costa e Tosana.

Alguns comércios também começaram a fechar as portas no início da tarde desta quinta-feira, 24. A situação é similar à ocorrida na quarta-feira, 23, quando os comércios também começaram a fechar as portas no início da tarde e antes das 17h, as portas de todos os estabelecimentos entre a UPA 24h de Tamoios e a ponte, que liga Tamoios a Barra de São João, estavam fechados. Alguns comércios em Unamar também preferiram fechar as portas.

O Comando do 25° BPM, informou que continua com o policiamento reforçado em Tamoios. A ação visa garantir a paz e a tranquilidade para os moradores. Ao total 5 viaturas com 14 policiais realizaram o patrulhamento na localidade evitando assim possíveis ilícitos no local.

Mais lidas da semana