Mídias Sociais

Destaque

Sargento da PM baleado durante confronto em Araruama ainda respira por aparelhos

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Atingido no tórax, o 2º Sargento Carlos Eduardo Moreira segue internado no Hospital Estadual Roberto Chabo, em Araruama.

Ainda respirando com a ajuda de aparelhos, o policial militar baleado no último domingo (2), durante um confronto com traficantes em Araruama, na Região dos Lagos, apresentou uma pequena melhora no quadro de saúde, segundo o boletim médico divulgado nesta quarta-feira (5). Atingido no tórax, o 2º Sargento Carlos Eduardo Moreira segue internado no Hospital Estadual Roberto Chabo, também em Araruama.

O boletim esclarece que o paciente continua internado no CTI e mantém um quadro respiratório instável, com dificuldades respiratórias por causa das lesões no pulmão, ainda sem indicação cirúrgica, necessitando de ajuste de ventilação mecânica. A equipe médica do hospital reforçou que o policial apresentou melhoras na cicatrização dos ferimentos.

O sargento foi baleado durante uma troca de tiros, quando realizava um patrulhamento de rotina no bairro Clube dos Engenheiros. Segundo a PM, cerca dez suspeitos começaram a atirar nos policiais quando avistaram as viaturas.

O 2º sargento Carlos Eduardo Gonçalves Moreira, foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Araruama e transferido a unidade de saúde onde se encontra internado. Na ação três suspeitos foram presos. Com eles foram apreendidas 1.081 cápsulas de cocaína, 1.556 pedras de crack, 22 munições e duas pistolas. O caso foi registrado na 118ª Delegacia Policial de Araruama (118ª DP).


 

Mais lidas do mês