Mídias Sociais

Destaque

Operação Integrada da polícia prende em hotel de luxo no Recreio dos Bandeirantes líder do tráfico da Região dos Lagos

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Na manhã desta quarta-feira (27),  policiais militares do 25°BPM (Cabo Frio) e 31°BPM (Barra da Tijuca), com apoio da Delegacia de Polícia Federal de Macaé, realizaram a prisão de Willian da Silva Araújo, ("Will"), um dos líderes do tráfico na comunidade Manoel Corrêa, em Cabo Frio.

A prisão ocorreu em um hotel localizado na orla do Recreio dos Bandeirantes, na zona Oeste do Rio, e havia em desfavor de Will dois mandados de prisão pelos crimes de tráfico de drogas e receptação.

No momento da abordagem, Will assumiu que foi um dos responsáveis pela tentativa de homicídio contra um capitão da polícia militar lotado no batalhão de Cabo Frio, ação registrada por câmeras de vídeo no dia 22 de setembro de 2019.

Na ocasião, ele e Rodrigo ("DG"), então chefe do tráfico na comunidade Manoel Corrêa, efetuaram disparos contra o veículo do policial. DG foi morto poucas semanas após o atentado, durante confronto com policiais militares em Cabo Frio.

Segundo Will, a ordem para executar o capitão teria partido de Vaguinho, traficante de uma facção criminosa que está preso no complexo penitenciário de Bangú e teria sido motivada pelos constantes prejuízos que a facção criminosa vinha sofrendo na comunidade, na maior parte em operações comandadas pelo capitão.

Mais lidas da semana