Mídias Sociais

Destaque

Motorista de aplicativo é morto após reagir a assalto em Macaé

Publicado

em

 

Um motorista de aplicativo, identificado como Anderson Cruz Elias, de 41 anos, foi morto com um tiro na cabeça, volta das 21h desta terça-feira (18), após reagir a um assalto no bairro Parque Valentina Miranda, em Macaé. Segundo a polícia, Anderson dirigia quando teve o veículo, um Toyota Corolla prata, fechado por criminosos.

Ele não resistiu aos ferimentos e morreu dentro do próprio carro. Os bandidos fugiram. O caso foi encaminhado para a 123ª Delegacia Policial de Macaé (123ª DP). A princípio, a linha de investigação é de latrocínio (roubo seguido de morte).

Imagens das câmeras de monitoramento de locais próximos ao crime serão solicitadas pela polícia, a fim de identificar os autores da ação criminosa. O corpo do motorista foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) do município.  O velório de Anderson, que deixa dois filhos, ocorreu nesta quarta-feira (19), na Associação de Moradores do Parque Aeroporto, bairro onde morava.

Já o sepultamento aconteceu às 16h do mesmo dia, no cemitério Mirante Memorial da Igualdade, na Virgem Santa. Por meio de nota, a Uber lamentou profundamente que cidadãos que desejam apenas trabalhar ou se deslocar sejam vítimas da violência que permeia nossa sociedade.

"Ao que tudo indica pelas informações apresentadas, o caso não teria ocorrido durante viagem com o aplicativo, portanto sem relação com o aplicativo. De qualquer forma, a Uber permanece à disposição dos órgãos de segurança para colaborar com as investigações, na forma da lei", disse a empresa.

Carro de Anderson foi fechado por criminosos no Parque Valentina Miranda.

Clique Diário

E. L. Mídia Editora Ltda
CNPJ: 09.298.880/0001-07
Redação: Rua Tupinambás 122 Gloria – Macaé/RJ

comercial@diariocs.com
(22) 2765-7353
(22) 999253130

Mais lidas da semana