Mídias Sociais

Destaque

Foragida da Justiça por associação criminosa e tráfico de drogas é presa em Macaé

Publicado

em

 

Uma mulher acusada de integrar o tráfico de drogas em Macaé foi presa no último sábado (25), pela Polícia Militar. Jucileia Azevedo Guedes, de 36 anos, era considerada foragida da Justiça.

De acordo com os agentes, a criminosa, conhecida como "Pricila", foi localizada por equipes da Superintendência de Inteligência e Análise, da Coordenadoria de Polícia Pacificadora, em ação conjunta com o Serviço Reservado do 32º Batalhão de Polícia Militar. Ela responde pelos crimes de associação criminosa, porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas.

"A criminosa estava sendo monitorado pela SIA/CPP e pela 2º seção do 32° BPM que montaram uma operação de inteligência conseguindo prendê-la em uma lanchonete no Centro de Macaé. A acusada já havia sido presa em 2016 em Nova Friburgo, onde integrantes de sua quadrilha, foram capturados na posse de vasto material entorpecentes e armamento", afirma a PM.

Conforme as investigações, Jucileia tem ligação com traficantes das favelas Nova Holanda e Parque União.

Após a prisão, a mulher foi apresentada na 123ª Delegacia de Polícia de Macaé (123ª DP) e, em seguida, encaminhada para uma unidade prisional, onde segue à disposição da Justiça. A criminosa foi condenada a oito anos de prisão em regime fechado.

Mais lidas da semana