Mídias Sociais

Esporte

Presidente do Flamengo responde a imprensa de forma irônica após tropeço na Libertadores

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O empate com o Santa Fé fez ferver os bastidores do Flamengo. Aparentemente irritado com o tropeço em casa, o presidente Eduardo Bandeira de Mello se recusou a falar com os jornalistas na zona mista do Maracanã. Ao ser questionado do porque de não falar com a imprensa, ele respondeu de forma irônica: “eu não entendo nada de futebol”.

A resposta do presidente parece ser direcionada ao jornalista Mauro César da ESPN, que afirmou recentemente que o presidente não entende nada de futebol. Como já havia feito anteriormente, o profissional de imprensa voltou a criticar a atuação do Flamengo após a partida de quarta-feira.

Na madrugada desta quinta-feira, torcedores picharam os muros da Gávea pedindo a saída do presidente, do meia Diego e do volante Willian Arão, que novamente teve atuação apagada com a camisa rubro-negra. Também foram vistas críticas como: “time sem sangue”, “não somos empresa” e “queremos raça”.

A pressão por resultados e o tropeço recente também recai sobre o recém-chegado Maurício Barbieri. O interino já começa a enfrentar questionamentos e sofrer críticas por parte da imprensa e torcida. Após o empate com o Santa Fe, a diretoria do Flamengo afirmou que pretende mantê-lo no cargo, mas também que seguirá atenta ao mercado buscando um treinador mais renomado e experiente.

Foto: divulgação 

Mais lidas da semana