Mídias Sociais

Esporte

Macaé Oilers apresenta nova diretoria

Publicado

em

 

A Associação Macaé Oilers de Futebol Americano apresentou sua nova diretoria, durante o último treino do ano, ocorrido no sábado (11), no Campo da Escola de Aviação Civil Barroco Lopes, em Macaé. Um novo momento para o Clube Poliesportivo Macaé Oilers, assim é encarada a posse da nova gestão, para o biênio 2022/24.

A novidade fica por conta da composição da parte diretiva da entidade, que ficará sob a responsabilidade de técnicos profissionais, desta forma o presidente será a jornalista e publicitária Monalisa Fagundes de Sá; o vice-presidente Filipe da Silva Santos; o head coach Renato Panaro; e o diretor esportivo, Marcio Henriques.

A nova presidente do Clube destaca que já está programando algumas ações para os próximos meses, e salientou que o diálogo com os empresários, patrocinadores e autoridades em prol da evolução do futebol americano já está aberto.

“A valorização da nossa equipe de profissionais e dos atletas do time são prioridades nessa gestão, com foco no preparo dos nossos jogadores buscando melhores resultados classificatórios. O time precisa de suporte financeiro, seja em espécie ou em patrocínio, como confecção de uniformes; ônibus para fretamento dos atletas em dias de competição; água e lanches em dias de treino; entre outros. Por isso, estamos elaborando cotas de patrocínio com grande retorno de visibilidade da marca, nos uniformes, nas redes sociais do clube, etc”, disse a presidente.

O vice-presidente Filipe Santos reafirma que reestruturar o Macaé Oilers pós pandemia é o principal objetivo. “Alguns atletas que foram peças chave no bicampeonato carioca e nos jogos de etapa nacional se aposentaram, nossa missão agora é desenvolver novos talentos e transformar o grupo de atletas em um time forte e competitivo para estar de novo entre os melhores do Rio de Janeiro. E pra que isso aconteça a nova diretoria tem um trabalho fundamental: trazer para os atletas um ambiente favorável para a prática do esporte, e uma estrutura de treinos e viagens condizentes com os objetivos do time, que claro, é ser campeão novamente”, comentou.

"Penso que essa mudança é bem-vinda. Estamos em uma fase de retomada. Nova filosofia, cultura e hábitos vão ser saudáveis ao Oilers e essa nova diretoria vem com essa proposta institucional", ressalta do head coach, Renato Panaro.

Um dos esportes mais populares nos Estados Unidos, o futebol americano recentemente tem conquistado um público significativo em todo o mundo, e no Brasil não é diferente. Em termos de popularidade, o futebol americano já é um dos esportes mais assistidos pela TV a cabo no Brasil. Ele conta com a vantagem de ser um esporte muito prático, de entretenimento, e também um jogo que desperta a paixão do torcedor. Essencialmente, o futebol americano é um jogo de disputa de território e as pessoas gostam disso.

Além do Futebol Americano, modalidade esportiva que deu origem à associação, o Clube conta hoje com um time de Basquete e está em negociação com o Clube de Canoa Havaiana, Kwanita’vaa.

Se no futebol existe o preparador físico, no futebol americano há o treinador de força ou preparador atlético. Função acumulada pelo Diretor Esportivo, Marcio Henriques. Ele é especialista em musculação, fortalecimento e condicionamento físico e prepara treinos específicos semanalmente. Ele tem muita importância no elenco, já que os jogos exigem muita força e condicionamento dos atletas.

“Desde sempre gostei de trabalhar com pessoas, desenvolver e gerir projetos. Após entrar para a faculdade de Educação Física, percebi que isso é um pouco mais complexo e abrangente, mas não menos prazeroso. Amante da prática esportiva, tive a honra de ser convidado para ser o Diretor Desportivo do Clube Poliesportivo Oilers ou Macaé Oilers para muitos. A tarefa não é nada fácil, pois as metas traçadas são grandiosas e muito ambiciosas. O desenvolvimento deste projeto é voltado para difusão e solidificação da marca OILERS, a preparação da equipe e a busca por resultados positivos, mas também é pautado em uma avaliação contínua de tudo que está ao entorno e como podemos realizar ajustes pontuais para que possamos melhorar nossa gestão e propiciar um melhor ambiente para os nossos atletas. Esperamos contribuir positivamente, deixando um excelente legado, escrevendo o nosso nome na rica história do Oilers e para sermos lembrados por muitas e muitas gerações”, concluiu.

A formação da nova diretoria conta ainda com o apoio de Renato Panaro acumulando a função de 1º Secretário; da Monalisa Fagundes, acumulando a função de Diretora de Marketing; do tesoureiro, Ruan Carlos da Silva Oliveira; do diretor de relações externas, Gutemberg dos Santos Moreira; e fazendo parte do Conselho, André Luiz Quadros Machado, como 1º Fiscal; Fabiana Gomes Pádua, 2ª Fiscal; e Caroline Araújo Figueiredo Mizurine Carneiro, Suplente Fiscal.

Mais lidas da semana