Mídias Sociais

Esporte

Diretoria do Botafogo comunica saída de Joel Carli

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Botafogo anunciou nesta quinta-feira (4) a saída de Joel Carli. O argentino estava sem contrato desde o início de maio e acabou não renovando com o Alvinegro. O zagueiro tinha um dos salários mais altos do elenco e isso pode ter pesado na decisão da diretoria de não renovar o vínculo.

Carli tinha uma grande identificação com o clube e ele foi reforçada após a conquista do Campeonato Carioca de 2018. Na ocasião, o zagueiro marcou o gol nos acréscimos da decisão contra o Vasco, que acabou levando a disputa para os pênaltis, onde o Alvinegro levou a melhor.

Segundo informações, existia um acordo para que o contrato de Carli fosse renovado até o fim de 2021, mas a diretoria acabou mudando de ideia. O fato do atleta ter um alto salário e a idade avançada (o zagueiro tem 32 anos) acabaram pesando na decisão. Além disso, o argentino havia perdido a condição de titular da equipe. Antes da pandemia, a zaga estava sendo formada por Marcelo Benevenuto e Kanu, dois jogadores formados nas categorias de base do Alvinegro.

Por meio de nota, a diretoria agradeceu a dedicação e os serviços prestados pelo zagueiro. "Joel Carli chegou ao Clube em dezembro de 2015 para reforçar o setor defensivo. Zagueiro e capitão do time durante boa parte do período em que esteve no Botafogo, o argentino sempre foi conhecido por sua liderança. Em termos de conquistas, se destacou ao marcar um gol histórico na final do Campeonato Carioca de 2018 contra o Vasco – com o Glorioso sagrando-se campeão em emocionante disputa nos pênaltis. O Clube e o atleta estão negociando uma rescisão amigável. O Botafogo externa o seu agradecimento a Joel Carli pelo profissionalismo ao longo dos anos em que defendeu a camisa alvinegra, desejando felicidade e sorte na sequência de sua carreira.

Foto: Vitor Silva

Mais lidas da semana