Mídias Sociais

Destaque

Motoristas do transporte público escolar paralisam atividades na Região Serrana de Macaé

Bertha Muniz

Publicado

em

Ao todo 32 funcionários reivindicam o pagamento salários atrasados e melhorias nas condições de trabalho. Suspensão do serviço afeta mais de 250 alunos da rede municipal.

Motoristas que fazem o transporte escolar municipal da Região Serrana de Macaé, paralisaram as atividades na manhã desta terça-feira (13). Sem o transporte, mais de 250 mil alunos da rede municipal de ensino que moram em localidades de difícil acesso não têm como ir para a escola.

A categoria reivindica o pagamento que está atrasado, condições das estradas e aumento do valor da prestação de serviço, pois o último aumento foi em 2014. A paralisação teve adesão de 100% dos funcionários. Ao todo 32 kombis estão paradas do lado de fora em frente ao Colégio Municipal do Sana, que tem 340 alunos, 260 deles não conseguiram ir às aulas.

Motoristas estão reunidos neste momento, dentro da quadra da escola, para discutir as ações que serão tomadas quanto à paralisação.

A assessoria de imprensa informou que a Prefeitura de Macaé, informou por meio de nota que houve um atraso no pagamento de dezembro devido à demora em trâmites burocráticos legais, necessários ao cumprimento do processo. A previsão é que o pagamento aconteça até amanhã (14), quando também está prevista a normalização do atendimento aos alunos do Sana.

 

Ao todo 32 kombis estão paradas do lado de fora em frente ao Colégio Municipal do Sana.

 

Mais lidas do mês