Mídias Sociais

Destaque

Produção de Pré Sal da Petrobras alcançou recorde em dezembro

Avatar

Publicado

em

 

A companhia obteve o recorde mensal de 1,85 milhões de barris de óleo equivalente no pré-sal

 

 

 

 

 

Apesar da queda de 0,7% em sua produção de petróleo e gás em 2018, a Petrobras teve um bom motivo para comemorar os seus mais recentes números. A companhia obteve o recorde mensal de 1,85 milhões de barris de óleo equivalente no pré-sal, em dezembro.

Somando campos do pré-sal e pós-sal, a produção total da empresa em dezembro foi de 2,70 milhões de barris de óleo equivalente por dia. Segundo a companhia, o resultado ficou 3,3% maior na comparação com novembro, devido à interligação de novos poços no FPSO Cidade de Campos Goytacazes, localizado no campo de Tartaruga Verde, no pós-sal da Bacia de Campos.

Outros fatores que influenciaram foram o término das paradas para manutenção no FPSO Cidade de Ilhabela, localizada no campo de Sapinhoá, no pré-sal da Bacia de Santos, e na plataforma P-18, localizada no campo de Marlim, na Bacia de Campos.

Destaques da produção

 

 - A entrada em operação de quatro novos sistemas de produção: as plataformas P-74 e P-75, localizadas no Campo de Búzios, no pré-sal da Bacia de Santos; a plataforma P-69, localizada no Campo de Lula, também no pré-sal da Bacia de Santos; e o FPSO Cidade de Campos dos Goytacazes, localizado no Campo de Tartaruga Verde, no pós-sal da Bacia de Campos;

 O contínuo desenvolvimento da produção do pré-sal, que completou 10 anos e registrou novos recordes: produção anual de petróleo e gás natural operada pela Petrobras de 1,75 milhão boed e o recorde mensal de 1,85 milhão de boed, que foi alcançado em dezembro;

 O atingimento de um novo recorde anual no aproveitamento de gás da Petrobras no Brasil, com a marca de 96,6%, consequência dos esforços empreendidos ao longo dos últimos anos através do Programa de Otimização do Aproveitamento de Gás;

- A realização de desinvestimentos nos campos de Lapa, Sururu, Berbigão, Oeste de Atapu e Roncador, além da formação da Joint Venture da Petrobras América Inc. com a Murphy Exploration & Production Co.

 

Tânia Garabini

Mais lidas do mês