Mídias Sociais

Covid-19

Macaé prorroga suspensão de atividades laborais e descarta flexibilização do comércio até 1° de junho

Bertha Muniz

Publicado

em

 

As atividades não essenciais e laborais, bem como de setores do comércios que não ainda não tiveram janelas abertas para funcionar, continuam suspensas até 1° de junho em Macaé. A informação foi dada pelo prefeito Dr. Aluizio em entrevista coletiva por videoconferência, nesta segunda-feira (18).

Dr Aluzio ressaltou a necessidade do isolamento social e afirmou que enquanto a curva de casos da Covid-19 continuar aumentando, não haverá relaxamento das medidas. "Todo comércio foi aberto de forma progressiva, temos projeto para ampliar o comércio mas, por hora, Macaé não permite que a gente avance. Nem esta semana e nem semana que vem. Vamos até primeiro de junho sem nenhuma atividade laboral em Macaé. Os números não permitem, em sã consciência não dá para abrir mais nada", atestou, observando que, embora a cidade não registre óbito há sete dias, a gravidade dos doentes está alta.

Macaé suspendeu todas as atividades laborais não essenciais há sessenta dias.Ainda de acordo com o prefeito, um plano de reabertura gradual do comércio será realizado a partir da próxima semana, mas só será posto em prática quando a cidade atingir um estágio de controle da doença.

Mais lidas da semana