Mídias Sociais

Cultura

No Dia Mundial de Conscientização do Autismo, nesta quinta-feira(02), Macaé se destaca em conquistas e projetos, como o 'Luz Verdadeira'

Daniela Bairros

Publicado

em

 

 

Daniela Bairros

No dia 02 de abril, Dia Mundial de Conscientização do Autismo, o MOPAM (Motivados pelo Autismo Macaé) luta pelos direitos das pessoas autistas, sempre com o intuito de informar sobre o que é o Autismo e como lidar com ele.

Uma conquista recente para as famílias de pessoas com autismo de Macaé foi o decreto do Prefeito Aluízio, que determina a emissão da Carteira de Identificação do Autista, considerando a Lei Federal Romeo Mion. Com o número estimado de pessoas com TEA de Macaé, por meio de um contador oficial, será possível justificar a promoção de política pública específica para essa comunidade. São reivindicações do Mopam e intermediadas por João Lemos, um grande parceiro e apoiador da causa. Entre os pedidos, é a implantação da Clínica Escola do Autista. O estabelecimento é almejado pelas famílias do Mopam, segundo a coordenadora do órgão, Caroline Mizurine.

Para o empresário João Lemos, é preciso manter uma rotina de atividades físicas, o que é importante para todas as pessoas. Isso não seria diferente para aquelas que possuem alguma limitação física ou intelectual.

Pensando na qualidade de vida das Pessoas com Deficiência, no início de 2019 surgiu o Projeto Luz Verdadeira, da Loja Maçônica Lacerda Agostinho, que vem exercendo um papel muito importante com os assistidos e famílias. Sao realizadas aulas de artes marciais para pessoas com quaisquer deficiências, independente de faixa etária ou condição orgânica, e que tem o objetivo de incentivar a prática de atividades físicas, o controle dos estímulos sensoriais e a interação social, segundo João Lemos, um dos instrutores do projeto.

As aulas são gratuitas e ministradas no CT Macaé todas às sextas-feiras, de 11h30 às 13h.

Sobre o Dia Mundial de Conscientização do Autismo

A data foi determinada pela ONU (Organização das Nações Unidas) com objetivo de alertar sociedades
e governantes sobre transtorno do neurodesenvolvimento que acomete atualmente 1 a cada 59 nascimentos em todo o mundo, ajudando a derrubar preconceitos e esclarecer a todos. No Brasil, o Dia Mundial do Autismo é celebrado com palestras e eventos públicos que acontecem por várias cidades brasileiras.

Crédito: Divulgação

Mais lidas da semana