Mídias Sociais

Cultura

Cultura de Samba apresenta 'Uma noite em Vila Isabel' no Teatro Popular de Rio das Ostras no dia 06 de julho

Daniela Bairros

Publicado

em

 

Daniela Bairros

Após lançar o primeiro EP, Autonomia, o grupo Cultura de Samba está com novo trabalho: "Uma noite em Vila Isabel". Trata-se de homenagem aos grandes sambistas e personalidades do mítico e boêmio bairro de Vila Isabel, Zona Norte do Rio de Janeiro. O repertório apresenta músicas de Noel Rosa, Martinho da Vila, Luiz Carlos da Vila e grandes sambas de enredo do Grêmio Recreativo Escola de Samba Unidos de Vila Isabel. No dia 6 de julho (sábado), às 20h, o grupo sobe ao palco do Teatro Popular de Rio das. O ingresso está sendo vendido a R$20,00  e pode ser adquirido na bilheteria do teatro ou na Casa de Sanduíches, que fica na Avenida Novo Rio das Ostras, 15 loja 01 - Extensão Novo Rio das Ostras.

O novo show continua com a mesma pegada de outros tributos que o grupo vem realizando desde o ano de 2016, como: “Bate outra vez... Um tributo a Cartola”, “Tributo às Damas do Samba”, “Cultura, um tributo ao Samba”, “Acontece... Um novo tributo a Cartola”. Pode-se considerar que mais este trabalho é um show biográfico em que se dá relevância aos grandes clássicos, apresentando novos arranjos, narrando curiosidades sobre a trajetória e os bastidores da vida dos artistas homenageados, visando que a plateia saia do espetáculo com a sensação de ter desfrutado de um passeio cultural pela Música Popular Brasileira.

A atual formação do grupo Cultura de Samba é: Lucia Helena (voz e acessórios), Margareth Farah (voz e percussão), Marcelo da Graça (cavaquinho e banjo), Marcelo Guerreiro (voz e violão), Renan Knupp (percussão geral) e Victório Vieira (percussão geral); músicos convidados: Leila Castilhos (voz e acessórios), Adonai 7 Cordas (violão de 7 cordas) e Alvaro Gil (bandolim).

Autonomia

Com sete anos de trajetória, o grupo Cultura de Samba lançou seu primeiro álbum, o EP “Autonomia”, em setembro de 2018. Neste trabalho, o grupo manteve sua grande característica, que é a de preservar as raízes do Samba, valorizando os arranjos e letras, usando a típica instrumentação do gênero musical. O álbum foi gravado em uma ambiência acústica no PlayRec Studios, na cidade do Rio de Janeiro, sob a batuta do maestro Julinho Teixeira.

A única regravação feita pelo Cultura de Samba foi a música que batiza o álbum, “Autonomia” do grande Mestre Cartola. Todas as outras foram gravadas pela primeira vez, tendo composições de integrantes do grupo e de compositores renomados.

O álbum está disponível em todas as plataformas digitais e a mídia física se encontra em pontos de vendas nas cidades de Nova Friburgo e Teresópolis, podendo ser adquirido também na página do grupo no Facebook, através de link para compra.

Agenda

Em Nova Friburgo, o grupo tem show marcado para o dia 29 de junho, às 20h, na Estação Glória, em São Pedro da Serra. Dia 5 de julho, às 19h30, na Curadoria, que fica no  Espaço Arp; e 19 de julho, às 20h, no Deck Restô.

Crédito: Divulgação

 

Mais lidas da semana