Mídias Sociais

Cultura

Com objetivo de atrair maior número de visitantes, projeto Um Dia no Museu está com novos horários em Rio das Ostras

Publicado

em

 

As atrações agora acontecem em quatro horários à tarde: 13h, 14h, 15h e 16h, todos os sábados.

 

Da redação

Com o intuito de atrair mais visitantes, o projeto Um Dia no Museu, em Rio das Ostras, está com novos horários. A iniciativa proporciona visitas guiadas feitas com intervenções teatrais no Museu de Sítio Arqueológico Sambaqui da Tarioba e a Casa de Cultura Bento Costa Junior. Agora as atrações acontecem em quatro horários à tarde: 13h, 14h, 15h e 16h, todos os sábados.

Nessa experiência diferente, o público é recebido por artistas que representam o Dr. Bento Costa Junior, antigo proprietário do imóvel onde hoje funciona a Casa de Cultura, que propõe uma “consulta”, e também por um arqueólogo, um sambaquiano, um pescador e uma mulher riostrense, que contam a história remota do município.

A atração começa nos tempos em que não havia o Museu Arqueológico. O Dr. Bento Costa Junior recebe pessoas da cidade para consultas. Um amigo arqueólogo tenta convencê-lo a permitir a escavação do sítio arqueológico no quintal de sua casa, e ele se recusa porque não acredita em Sambaquis. Aí, entram em cena as estátuas expostas na casa, que ganham vida, e planejam junto com os visitantes uma forma de sensibilizar o médico e desenterrar a história.

A visitação ficou muito mais atraente aos visitantes, que podem conhecer um pouco mais da história de Rio das Ostras “participando” da intervenção teatral. O projeto que começou em setembro, já recebeu centenas de moradores e turistas.

A nova atração acontece todos os sábados em quatro horários – 13h, 14h e 15h e 16h. O valor do ingresso é R$ 5.

Crédito:  Gabriel Sales


 

Mais lidas do mês