Mídias Sociais

Cultura

Búzios terá programação tradicional para celebrar 23 anos de emancipação político-administrativa

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

O Município de Búzios comemora nesta segunda-feira, (12), 23 anos de sua emancipação político-administrativa. Para celebrar a data, o município optou por uma programação mais tradicional, que inclui desfile cívico e sessão solene.

O Desfile Cívico irá acontecer dessa vez, no bairro da Rasa. A concentração será dia 12 de novembro às 8h em frente à Escola Ciléia Barreto. O percurso será da estátua do Cruzeiro até a Praça do INEFI.

De acordo com a Prefeitura, todas as unidades escolares de Búzios irão participar, bem como a APAE, e um destacamento da Marinha do Brasil, da base de São Pedro da Aldeia. O trânsito no local será desviado com o apoio da Guarda Municipal. Na Praça do INEFI, após a solenidade, haverá também atividades culturais e de lazer para toda a comunidade.

Já na terça-feira, (13), haverá uma Sessão Sonele, realizada pela Câmara dos Vereadores. O evento acontecerá no Iate Clube de Armação dos Búzios, a partir das 18h.

O tema da solenidade deste ano é o Projeto da Câmara Municipal de Armação dos Búzios. Na sessão solene será apresentado o projeto da sede do legislativo municipal, a ser construída com planejamento, acessibilidade, design moderno, conforto e instalações adequadas para melhor atender à população.  Esse é o primeiro passo para conquista da sede própria.

Na festa também serão entregues aos homenageados os Títulos de Cidadão Buziano, as Medalhas Doutor José Bento Ribeiro Dantas e as  Moções de Congratulações e Aplausos.

Sobre o município - Considerado o balneário mais charmoso do Estado, Búzios faz divisa com Cabo Frio, município do qual fazia parte, mas conseguiu se emancipar em 1995.

Apesar de ser  uma península pequena, com oito quilômetros de extensão e 23 praias, a cidade atrai turistas de todo o mundo atraídos pela sua beleza natural.

De acordo com a história, a origem do turismo na região remete aos anos de 1940 e 1950, quando Búzios era apenas uma pacata aldeia de pescadores. No início, os turistas alugavam casas de pescadores. Aos poucos, o pacato vilarejo foi se transformando, à medida que ia sendo "descoberto" pelas elites do Rio de Janeiro e São Paulo. Surgiram as primeiras casas de veraneio, concentradas, até a década de 1960, nas praias de Manguinhos e do atual Centro (praias do Canto e Armação). Esses veranistas recebiam em suas casas amigos ilustres, incluindo políticos e artistas, muitos deles estrangeiros. Com isso, a fama do lugar foi crescendo entre pessoas de classe alta de diversos países.

Mas um dos pontos altos do turismo, foi em 1964, a Búzios, então distrito de Cabo Frio, recebeu uma das mais famosas atrizes de cinema da época, a francesa Brigitte Bardot (BB, como era chamada), com seu namorado Bob Zaguri, um marroquino que vivia no Brasil. Naquele momento, a imprensa mundial dirigiu sua atenção para a isolada vila de pescadores, acompanhando todos os passos de Bardot através de um informante lá instalado. O impacto foi tamanho que até hoje são feitas referências a BB em qualquer ponto da cidade, na divulgação turística e na vida local.


 

Mais lidas do mês