Mídias Sociais

Cidades

Responsáveis de alunos das escolas municipais de Tamoios, em Cabo Frio, cobram melhorias no transporte escolar

Publicado

em

 

Pais e responsáveis de alunos, que estudam nas escolas municipais do Distrito de Tamoios, em Cabo Frio, estão cobrando melhorias no serviço de transporte escolar. Atualmente, dez veículos fazem esse serviço, que atendem cerca de três mil crianças diariamente.

Uma das principais reclamações dos responsáveis é com relação ao atraso do ônibus. Como a demanda de alunos é muito grande, a maioria chega atrasado na escola. Isso sem falar, no retorno para casa."Eu não consigo botar minha filha no ônibus pois ela chega na escola quase 14h, ou seja, as crianças perdem praticamente uma hora de aula", contou Aline.

Ainda segundo relato dos pais, os ônibus estão andando cheios e com crianças de todas as idades juntas. "A situação dos nossos filhos esta cada vez pior, uma falta de respeito com as crianças, que muitas das vezes andam em ônibus lotados com crianças pequenas em pé. Esperamos que isso se resolva logo", conta Carol Silva.

Na lista de reclamações ainda está o fato dos ônibus não estarem indo até a porta de algumas escolas, quebrarem constantemente e não atenderem aos pontos mais afastados do Distrito.

De acordo com a Associação de Mulheres de Tamoios, um grupo de mães com o apoio da associação já abriu um processo do Ministério Público solicitando a regularização do transporte."São inúmeras falhas no transporte escolar de Tamoios expondo os menores a situações perigosas e cruéis", explicou a coordenação da associação.

 

 

Assunto foi citado na Câmara - O assunto acabou rendendo muitos comentários na sessão da Câmara dos vereadores desta quinta-feira, 28.

O vereador Rafael Peçanha apresentou uma Indicação ao prefeito exigindo a realização de contratação emergencial para resolver o problema dos ônibus escolares em Tamoios. "As crianças não podem mais esperar um processo licitatório padrão para, daqui a um mês, terem acesso a esse direito. É urgente", disse o Parlamentar.

O líder da oposição na Câmara solicitou ainda, por ofício, ser parte interessada na ação das mães de Tamoios junto ao MP em busca desse direito. Rafael notificou também o Conselho do Fundeb para ter acesso ao contrato com a atual empresa que faz o serviço de transporte escolar para a rede pública no distrito.

A vereadora Alexandra Codeço, também falou sobre o problema. Alexandra contou sobre os relatos que chegaram até ela sobre o descaso com as crianças. A vereadora pediu que o Secretário de Educação, assim como o Prefeito se sensibilizem para resolver o problema de forma urgente.

"Está uma vergonha o transporte escolar. Tem crianças saindo da escola meio dia e chegando duas, três horas da tarde em casa por conta dessa bagunça. Da onde que isso é respeito pelo cidadão? Hoje eu estou pedindo, mas se não vermos uma ação do Governo, nós vamos até o Ministério Público", frisou a vereadora.

Os vereadores Adeir Novaes e Oséias de Tamoios, que moram em Tamoios, também usaram a tribuna para cobrar soluções. Ambos detalharam e lamentaram o abandono com o Distrito.

 

SEME informa que tem retomado a circulação de ônibus escolares - De acordo com a Secretaria Municipal de Educação de Cabo Frio (SEME) desde a segunda quinzena de março, os ônibus escolares, que atendem ao 2º Distrito estão retomando a circulação.

Atualmente são 10 ônibus circulando: quatro de propriedade da SEME e seis terceirizados, beneficiando cerca de 3 mil crianças, que estudam em  24 unidades escolares atendidas pelo transporte. Os ônibus se dividem nas seguintes rotas do distrito: São Jacinto, Gargoá, Rua das Pacas e os alunos especiais em todo o 2º Distrito. Os ônibus atendem aos turnos da manhã e da tarde.

A Secretaria de Educação ressalta ainda que outros quatro ônibus se encontram em manutenção. Eles estão sob os cuidados da empresa contratada e tão logo estejam em condições, serão novamente colocados em circulação para melhor atender aos alunos de Tamoios. Quando todos estiverem circulando, o distrito terá 14 ônibus fazendo o transporte escolar.

Algumas semanas atrás, o Secretário de Educação, Cláudio Leitão, em um encontro com algumas mães informou que a Prefeitura tem se empenhado para realizar em breve uma licitação para a contratação de uma nova empresa para prestar esse serviço. A expectativa é que a licitação seja aberta para que a empresa ofereça 12 ônibus, que atenderão ao Distrito de Tamoios e aos bairros Maria Joaquina e Foguete junto com os quatro ônibus próprio da Seme.

 

Mais lidas da semana