Mídias Sociais

Cidades

Região dos Lagos começa a semana na Campanha de vacinação contra influenza

Avatar

Publicado

em

 

Campanha segue até o dia 26 de maio

 

 

Começou nesta segunda-feira, 17, a Campanha Nacional de vacinação contra influenza. Na Região dos Lagos, a população, que faz parte do grupo prioritário, já pode comparecer aos postos de saúde para se prevenir contra três tipos de vírus: H1N1, Brisbane e H3N2, que costumam se propagar, principalmente, com a proximidade do inverno.

De acordo com o ministério da saúde, a meta é vacinar 54,2 milhões de pessoas em todo o país. Este ano, a novidade da campanha é a inclusão dos professores da rede pública e privada no público alvo, com direito a receber a imunização gratuitamente no SUS.

Em Cabo Frio, as doses estarão em 24 unidades nos horários entre 9h às 17h até o dia 26 de maio. São essas: Centro de Saúde Oswaldo Cruz; Hospital Municipal Otime Cardoso (Jardim Esperança); ESF Vila Nova; ESF Parque Burle; ESF Guarani; ESF Jardim Náutilos; ESF Praia do Siqueira; ESF Manoel Correa; ESF Gamboa; ESF Jacaré; ESF Monte Alegre; ESF Boca do Mato; ESF Tangará; UBS Peró; UBS Vila do Ar; PAM de Santo Antônio; Posto de Saúde de Unamar; PS Angelim; PSF Araçá; PS Botafogo; PSF São Jacinto; PSF Nova Califórnia; PSF Maria Joaquina e PSF Samburá.

Apesar da baixa procura no primeiro dia de vacinação, a estimativa é que 53 mil pessoas sejam vacinadas no município de Cabo Frio. A superintendente municipal de Vigilância e Saúde, Lucy Pires, alerta a população para a importância de receber a dose, garantindo a imunização. “Há um aumento da circulação do vírus da gripe nessa época do ano. Vale lembrar que é uma doença que pode evoluir de forma grave e levar à morte. Muitas pessoas têm receio de tomar a vacina pensando que vão contrair o vírus da gripe, mas isso é um mito, já que a vacina é feita pelo vírus morto e por isso não causa gripe em ninguém". Ainda segundo Lucy Pires, há outras medidas de prevenção que a população pode tomar para afastar o vírus, como lavar bem as mãos e, com frequência, evitar colocar as mãos em corrimãos e maçanetas de locais públicos.

Em Búzios, a campanha também já começou. Já o dia D será no Sábado, 13 de maio, quando, todas as unidades de saúde abrirão de 8h às 17h para a vacinação.

Em Araruama, a vacinação segue acontecendo na Coordenação de Saúde Coletivo, nos PSF's de Ponte dos Leites, Morro Grande e São Vicente, além da Policlínica de Praia Seca e do posto na Praça do Centro. De acordo com a Prefeitura de Araruana, o "Dia D" da campanha acontece no dia 13 de maio. Além disso, um posto itinerante vai atender professores do município.

Vale lembrar que o público alvo da campanha é composto por crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade (é necessário apresentar caderneta de vacinação), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), profissionais da saúde, povos indígenas, professores em atividade, pessoas com 60 anos ou mais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independente da idade, com prescrição médica.

É necessário ficar atento às restrições: pessoas com alergia a ovo não devem tomar a vacina e as que estão com alguma infecção aguda devem aguardar o término do tratamento.

Sobre a Influenza – Essa é uma doença viral de transmissão respiratória com os seguintes sintomas: febre alta, dor no corpo, tosse, desânimo, dor de cabeça, podendo apresentar insuficiência respiratória e causar a morte.

 

 

 

 

Mais lidas do mês