Mídias Sociais

Cidades

Prefeitura de Macaé inicia mudança de 262 famílias para unidades do Bosque Azul

Avatar

Publicado

em

 

Mudanças das famílias das Águas Maravilhosas começam nesta segunda-feira, 26

 

Foto: Ana Chaffin

Da Redação

 

Nesta segunda-feira, 26, começa a mudança de 262 famílias da comunidade das Águas Maravilhosas para as novas moradias do Condomínio Bosque Azul, do Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal.

Depois de 10 anos de processo, a Prefeitura de Macaé inicia a ação de remoção que também envolve a demolição dos imóveis para que não sejam reocupados na área do antigo lixão da cidade, considerada de risco.

Segundo a Secretária Adjunta de Habitação, Alessandra Aguiar, durante o processo, cada responsável vai assinar um Termo de Autorização de Demolição (TAD), e as chaves da nova moradia serão entregues no mesmo momento da assinatura. 
“Tudo vai acontecer simultaneamente. As casas serão demolidas no mesmo dia da mudança. A comunidade foi trabalhada, desde o processo de selagem das casas, que aconteceu em agosto de 2014. A próxima semana marca o início de uma nova vida para todas essas pessoas que terão finalmente o acesso a moradia com dignidade, destacou a secretária, acrescentando que o processo de demolição vai contar com os trabalhos da Secretaria Adjunta de Serviços Públicos”, contou Alessandra.
A prefeitura explicou também que as famílias passarão a residir na quadra 6, com 12 blocos do Bosque Azul, e lembrou que, para atender a comunidade e manter o laço dos territórios onde viviam antes, foram realizadas reuniões para que cada grupo escolhesse o endereço, respeitando a vizinhança.

“Além disso, foi feito ainda um trabalho em conjunto com a Secretaria de Trabalho e Renda, em parceria com SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), para formalizar a profissão dos comerciantes da região, incluindo novos pontos de vendas”, acrescentou o governo municipal.
Ainda conforme a prefeitura, o atendimento aos moradores das Águas Maravilhosas faz parte da cota de área de risco do residencial no Bosque Azul cuja ocupação não foi feita por sorteio.

De acordo com Alessandra Aguiar, todas as famílias da localidade vão precisar apenas aguardar a regularização da documentação para efetuarem o processo de mudança, que está previsto para o final de julho.

Bosque Azul – O projeto faz parte do Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, que, através de uma parceria com a Prefeitura de Macaé, já beneficiou 1.040 famílias, de diversas localidades da cidade.

Os apartamentos contam com 2 quartos, sala, cozinha, banheiro e total acessibilidade a portadores de deficiências físicas, e as quadras têm infraestrutura de esgotamento sanitário e águas pluviais, além de o condomínio ter asfaltamento, calçadas e iluminação pública, com cada quadra contendo um Centro Comunitário e 2 cômodos para recolhimento de lixo reciclável e comum.

Clique Diário

E. L. Mídia Editora Ltda
CNPJ: 09.298.880/0001-07
Redação: Avenida Atlântica, 2.500, sala 22 – Cavaleiros – Macaé/RJ

cliquediario@gmail.com
(22) 2765-7353

Mais lidas da semana