Mídias Sociais

Cidades

Prefeitura de Cabo Frio exonerou mais de 1200 funcionários

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

A Prefeitura de Cabo Frio emitiu um comunicado com dados oficiais sobre a exoneração dos funcionários publicada na noite desta quarta-feira, 12. No total, 1240 trabalhadores foram retirados de suas funções.
O município alega que  a medida extrema visa a contenção de despesas para que os serviços essenciais sejam mantidos. "O município vive a pior crise financeira da história, provocada pela queda acentuada no repasse dos royalties do petróleo e de outros impostos, como o ICMS", dizia a nota oficial.
A Prefeitura diz ainda que fará um estudo para a reestruturação das secretarias para que sejam mantidos apenas os que são essenciais.

Queda na arrecadação

De acordo com a prefeitura, há oito anos Cabo Frio recebia R$ 33 milhões no repasse trimestral do Fundo de Participação dos Municípios, no último repasse, feito nesta quarta-feira, 12, entraram nos cofres do município R$ 155.171,24. Comparando com o repasse anterior, ocorrido em maio, a queda é de 69,8%, quando Cabo Frio recebeu R$ 514.718,00.

Com relação aos repasses extras dos royalties, o município recebeu nesta quarta-feira R$ 848.276,69. Isso representa apenas 7,46% do que foi recebido em agosto de 2019, quando o repasse extra foi de R$ 11.370.078,00.

Mais lidas da semana