Mídias Sociais

Cidades

Prefeitura de Cabo Frio esclarece sobre intervenções na Avenida Assunção

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

 

A Prefeitura de Cabo Frio emitiu uma nota esclarecendo as intervenções, que estão sendo realizadas na Avenida Assunção. A explicação tem como base, o fato de durante esta semana, ter circulado nas redes sociais, que a obra seria um acordo com um empresário local.

Segundo a Secretaria de Mobilidade Urbana, as quatro alterações que estão sendo realizadas tem como base solicitações feitas por cabo-frienses. A partir destas solicitações, foi feita uma análise técnica sobre a viabilidade de um projeto de intervenção na Avenida Assunção, levando em conta as solicitações e com base nas determinações normativas legais exigidas tanto pelos órgãos nacionais responsáveis quanto pelo Plano de Mobilidade Urnaba (PlanMob). A idealização desse projeto contou com a parceria da equipe de planejamento da Secretaria de Desenvolvimento da Cidade.

Para a elaboração deste parecer técnico, a Mobilidade Urbana realizou diversas visitas técnicas no local para avaliar as condições de geometria e fluxo da via. Foi feita uma contagem volumétrica de veículos obtida “in loco” e também com dados do PlanMob. Observou-se um elevado fluxo de veículos na Avenida Assunção, que em dias úteis, chega a abranger 8.494 veículos de passeio em um período de 6 horas nos dois sentidos. O laudo aponta que o fechamento do retorno causará melhor fluidez dos automóveis que trafegam neste trecho da Av. Assunção, devido ao prolongamento do percurso até o retorno seguinte.

A principal intervenção do trecho em estudo é o fechamento do retorno imediatamente posterior ao prédio da Prefeitura. Esta ideia partiu da solicitação do vereador Rafael Peçanha, que descreve uma demanda dos moradores do entorno com o intuito de realizar a melhoria do trânsito e redução de risco para a travessia de pedestres na área. Ao realizar a visita técnica no local, foi constatado que no final da tarde, com o fechamento do comércio e retorno das pessoas para casa, há um grande fluxo no local, potencializado pelos veículos que saem da Travessa Mário Fisher, bem como a entrada e saída dos veículos no estacionamento existente no canteiro central.

Em agosto de 2019, foram feitos testes de fechamento do retorno e direcionamento do fluxo para o retorno seguinte, que está localizado a 128 metros a frente. Os resultados obtidos e a reação popular foram extremamente positivos, tendo em vista que a fila de veículos para a entrada no retorno foi deslocada para uma área em que a concentração de veículos é reduzida, logo proporciona segurança na travessia dos pedestres e redução significativa do trânsito.

Como alternativa a substituição desse retorno, o deslocamento passa a ser feito no retorno localizado próximo à rua Anibal Cruz nos dois sentidos, e no retorno próximo a Câmara Municipal, no sentido Passagem – Centro. A opção por otimizar esses retornos se dá pelo fato de não se localizarem próximos à ruas transversais e/ou estacionamentos que possam criar retenções. Também não há vagas de estacionamento no canteiro central e não existe confluência entre as vias, o que dá ao motorista que sai da Travessa Mario Fisher tempo suficiente para realizar a troca de faixa e utilizar o retorno com segurança.

Também foi levada em conta a necessidade de estimular a redução da velocidade dos automóveis no entorno, pois pela proximidade com a Prefeitura de Cabo Frio, pontos de ônibus e hospitais, há uma maior circulação de pedestres, por isso será instalada ainda uma faixa elevada para facilitar a travessia.

O ponto de ônibus existente no local também foi sinalizado da forma correta, visto que os ônibus acabavam parando na faixa de rolamento, o que prejudicava a fluidez do trânsito e a travessia segura de pedestres.

Além do fechamento do retorno, há outras intervenções previstas ao longo da Avenida Assunção, que podem ser consultadas pelo site da |Prefeitura . Todo cidadão cabo-friense pode ter acesso a este parecer e outros estudos na sede da secretaria, que fica na Rua João Pessoa, nº 516, na Vila Nova .

Mais lidas da semana