Mídias Sociais

Cidades

Pessoas do público-alvo da campanha de vacinação contra gripe devem se imunizar até esta terça-feira (30)

Daniela Bairros

Publicado

em

 

Daniela Bairros

Todas as pessoas que integram o público-alvo da Campanha de Vacinação contra a Influenza (Gripe) devem se vacinar até esta terça-feira (30), último dia. Em Macaé, no site da prefeitura, consta a relação dos postos, com horários para aplicação da vacina. Cada Unidade de Saúde possui dias e horários específicos para a vacinação. Antes de se dirigir ao local, é só conferir por este linkhttp://www.macae.rj.gov.br/midia/uploads/HORARIO%20VACINA%20GRIPE%20POR%20UNIDADE.pdf .

Podem se vacinar crianças de seis meses a menores de seis anos; gestantes; puérperas; pessoas com deficiência; professores e pessoas entre 55 e 59 anos. O público-alvo da campanha inclui ainda idosos, profissionais de saúde, portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários.

As pessoas cadastradas nas unidades de Estratégia Saúde da Família (ESF) devem procurar aquela mais próxima de sua residência. As demais, podem se dirigir ao posto volante, que fica na Escola Municipal José Augusto Abreu, Rua Francisco Portela, 91, Centro (antigo endereço da Casa da Criança e do Adolescente), de 10h às 16h. Na Casa da Vacina, além da vacinação de rotina para crianças, a unidade vem fazendo a administração da vacina contra gripe.

Segundo o Ministério da Saúde, em todo o país, cerca de 20 milhões de pessoas ainda não se vacinaram contra a gripe. Mais de 58 milhões de pessoas, que correspondem a mais de 84% do público-alvo, já estão imunizadas.

A vacina da gripe protege contra os três subtipos do vírus influenza que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da Organização Mundial da Saúde (OMS). O Ministério da Saúde destaca que a vacina contra gripe não tem eficácia contra o novo coronavírus, mas pode ajudar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para Covid-19, já que os sintomas são parecidos, além de reduzir a procura por serviços de saúde. Mais detalhes podem ser encontrados aqui: https://agenciabrasil.ebc.com.br .

Crédito: Divulgação

Mais lidas da semana