Mídias Sociais

Cidades

Pane em Furnas provoca apagão e deixa cidades da região sem energia elétrica

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Uma pane em um transformador de Furnas, em Foz do Iguaçu, no Paraná, provocou a interrupção no fornecimento de energia desde o fim da tarde desta sexta-feira (2), em algumas regiões do estado do Rio. O apagão deixou alguns bairros da capital fluminense e municípios da Baixada Fluminense; da região metropolitana, como Niterói e São Gonçalo, além de Macaé, Campos e Conceição de Macabu, sem energia. Municípios da Região dos Lagos também ficaram sem luz.

Segundo a assessoria da concessionária Enel, que atende as cidades de Niterói, São Gonçalo, além do Norte Fluminense e da Região dos Lagos, não há ainda como identificar as regiões mais atingidas pela falta de luz, mas a empresa confirmou que a interrupção no fornecimento começou às 17h20.

Em 80% das cidades cobertas pela Enel, a energia foi reestabelecida por volta das 19h30. A companhia afirmou que iniciou imediatamente soluções alternativas de manobra e que entrou em contato com Furnas para garantir o restabelecimento da energia para os clientes afetados. A cidade de Friburgo, na Região Serrana, também teve o abastecimento interrompido.

A Energisa informou que as interrupções de energia que afetaram Nova Friburgo, no final da tarde dessa sexta-feira, foram ocasionadas por problema externo ao sistema da empresa, tendo origem em instabilidade na supridora de energia responsável pelo abastecimento à distribuidora do município. A companhia afirmou que realizou manobras internas para normalizar a situação e as causas estão sendo apuradas pela distribuidora junto à supridora.

Na área da Light, a queda de energia atingiu algumas subestações do município do Rio, além de Nova Iguaçu, Itaguaí e Seropédica, na Baixada Fluminense. A interrupção no fornecimento não chegou a atingir a zona sul da capital fluminense e o centro financeiro do Rio.

Em Minas Gerais, a Cemig informou que a falta de luz atingiu vários municípios do estado, entre eles Sete Lagoas, Uberaba, Patos de Minas e Muriaé.

Mais lidas da semana