Mídias Sociais

Cidades

Mudança na temperatura deve marcar a chegada do inverno na Região dos Lagos

Publicado

em

 

Estação deve ser marcada por constantes inversões térmicas que causam nevoeiros e neblinas

A mudança de temperatura na Região dos Lagos, que começou no final dessa terça-feira, 20, e deve permanecer nos próximos dias veio para marcar a chegada do inverno. O início da estação começou às 01h24 deste dia 21 de junho e termina em 22 de setembro, com o início da primavera.

Segundo a previsão do tempo, a temperatura já não sobe tanto como foi característica nestes dias de feriado prolongado de Corpus Christi, com dias quentes e noites mais frias. A temperatura deve ficar baixa o dia todo com possibilidades de chuva.

Em Cabo Frio, no primeiro dia do inverno a temperatura deve chegar a máxima de 23º e a mínima de 20º, com grande possibilidade de chuva. Inclusive, a população deve ficar atenta a possibilidade de alagamentos.

Em Araruama, a máxima deve chegar a 24º e a mínima de 20º também com grande possibilidade de chuva. Assim como Arraial do Cabo que terá a temperatura entre 23º e 21º.

Em Búzios, apesar da temperatura também chegar a máxima de 23º e a mínima de 20º, a probabilidade de chuva é menor.

Um outro aspecto meteorológico que se observa durante o inverno, são as constantes inversões térmicas que causam nevoeiros e neblinas. Estas inversões, muitas vezes, permanecem durante o período da manhã. O nevoeiro consiste na existência de gotículas d’água que flutuam no ar e reduzem a visibilidade a menos de 1000 m. Além da redução da visibilidade, um outro fator importante é o alto índice da umidade relativa do ar, cujos valores alcançam até 98% no período da manhã. O contrário ocorre no período da tarde, após a dissipação do nevoeiro, quando o índice da umidade relativa do ar diminui consideravelmente, chegando a registrar valores de até 40%. O ar seco e o vento calmo favorecem a formação da bruma - substâncias sólidas suspensas na atmosfera, tais como poeira e fumaça - poluindo o ar.

Mudança de estação é propícia às doenças

A mudança de temperatura, dentre outros fatores típicos do inverno, são a fórmula perfeita para a propagação de vírus e bactérias de doenças virais como gripes e resfriados, que são transmitidas pelo ar ou por contato físico.

A diminuição de ingestão de líquidos e de atividades físicas, que são fundamentais para o bom funcionamento do organismo, também influenciam o adoecimento. Cardíacos, hipertensos, idosos, diabéticos, gestantes e crianças devem redobrar os cuidados com a saúde com a queda acentuada da temperatura.

Segundo especialistas da rede municipal de Saúde de Cabo Frio, para prevenir as doenças desta época do ano, é fundamental manter hábitos como ventilação do ambiente, conservar as roupas de cama limpas, beber bastante líquido, evitar lugares fechados e pouco arejados, não sair com os cabelos molhados após banho quente, agasalhar-se adequadamente, lavar frequentemente as mãos e manter as vacinas em dia.

Mais lidas da semana