Mídias Sociais

Cidades

Em Macaé, festa do Réveillon 2018 atrai 100 mil pessoas à Praia dos Cavaleiros

Publicado

em

 

Queima de fogos aconteceu na orla da praia na noite da virada

A festa do Réveillon 2018 em Macaé atraiu, aproximadamente, 100 mil pessoas. Os dados foram divulgados pela Secretaria Adjunta de Turismo, nesta terça-feira (2), que destacou que o resultado do sucesso da festa deve-se à união de esforços de vários setores da Prefeitura de Macaé, iniciativa privada, entidades de classe e à Polícia Militar.

“Podemos destacar a organização e o empenho de todos para que a festa da virada atraísse os turistas e moradores. Recebemos, inclusive, turistas de outros países como Portugal, Suíça e Itália, o que começa a nos colocar na rota de grandes cidades de turismo de lazer”, pontuou o secretário Adjunto de Turismo, Leonardo Anderson.

De acordo com o secretário, a maior concentração de pessoas foi entre os postos um e dois, na praia dos Cavaleiros, com um público estimado de 60 mil pessoas, os demais se dividiram entre as praias Campista e Pecado. "Mesmo com um grande público formado, sobretudo, por famílias, a festa foi tranquila. Não registramos nenhuma ocorrência grave. O contingente de profissionais da segurança e da saúde conseguiram atender a população satisfatoriamente", disse.

Leonardo Anderson destacou, ainda, o trabalho da Mobilidade Urbana que permitiu a fluidez do trânsito e facilitou a chegada e saída do evento com estratégia de transporte público eficiente. "Organizamos uma festa de Réveillon inédita no nosso município. Foram três balsas no mar. Os hotéis e restaurantes com 100% de ocupação. A festa da virada movimentou, não somente a rede hoteleira, mas também o comércio em geral e o transporte. A circulação financeira estimada na virada do ano no município foi de R$ 15 milhões", falou.

Ele ressaltou que a grandiosidade do Réveillon 2018 iniciou uma nova fase para cidade e foi a oportunidade de mostrar a grandiosidade do potencial turístico de Macaé.

Da redação

Crédito: Rui Porto Filho

Mais lidas da semana