Mídias Sociais

Cidades

Com aproximação da Semana Santa, fiscais visitam Mercado de Peixes de Macaé e verificam qualidade do pescado

Daniela Bairros

Publicado

em

Visita ocorreu nessa quarta-feira (14) com objetivo de orientar vendedores das bancas e intensificar ações quanto à qualidade do pescado.

Daniela Bairros

A Semana Santa, período em que o consumo de peixes aumenta, está chegando e é muito importante, além do preço, verificar a qualidade do pescado. Nessa quarta-feira (14), Fiscais da Coordenadoria Especial de Vigilância Sanitária (Covisa) estiveram no Mercado de Peixes de Macaé para verificarem a qualidade do pescado. O objetivo também foi orientar os vendedores das bancas e intensificar ações para garantir a qualidade do alimento, muito consumido nesta época do ano.

As ações de fiscalização no local são rotineiras, de acordo com o coordenador da Covisa, Bruno Paes. Segundo ele, os ficais já estiveram no Mercado de Peixes para verificar e passar orientações quanto à higiene da banca e se até mesmo o uniforme do vendedor está em ordem e se a quantidade de gelo está adequada para conservar o peixe fresco.

Nesta etapa, o trabalho é de orientação, mas se caso o proprietário da banca não cumprir com as exigências da Covisa, poderá pagar multa, de acordo com a infração e até mesmo ter a banca interditada.  Para orientar os consumidores, foram afixadas nos quadros de avisos algumas dicas que poderão ajudar na hora de comprar o pescado. Entre elas: o consumidor deve observar, em primeiro lugar, as condições de higiene da banca e depois se o peixe apresenta olhos brilhantes, guelras avermelhadas e se a carne está firme. Deve olhar também, se o produto está bem refrigerado.

O trabalho de fiscalização, até a Semana Santa, será de uma ou duas vezes por semana.

No Mercado de Peixes de Macaé funcionam 42 bancas e no provisório 14. O estabelecimento abre todos os dias, das 7h às 17h, com exceção de segunda-feira, que funciona até às 13h.

Crédito: Maurício Porão

Mais lidas do mês