Mídias Sociais

Cidades

Apoiadores de Glaidson Acácio, dono da GAS, realizam carreata em Macaé

Publicado

em

 

Apoiadores do empresário Glaidson Acácio do Santos realizaram uma carreata no fim tarde desta quinta-feira (2), em Macaé. A concentração ocorreu na rotatória em frente ao único shopping da cidade. O grupo percorreu a cidade até a Barra de Macaé, retornando ao ponto de partida, passando pela orla da Praia dos Cavaleiros.

Glaidson é dono da GAS Consultoria Bitcoin, localizada em Cabo Frio, e foi preso na manhã do dia 25, na Operação Kryptos, em uma mansão na Barra da Tijuca, na capital. Ele é acusado de pirâmide financeira envolvendo transações com criptomoedas.

Durante a força-tarefa da Polícia Federal foram apreendidos mais de R$147 milhões de reais em bitcoins, além de quase R$14 milhões em espécie, libras esterlinas, euros, carros de luxo, joias, relógios e documentos. A esposa de Glaidson, Mirelis Zarpa, é considerada foragida da Justiça. Segundo as investigações, ela está em Miami, nos Estados Unidos, e é procurada pela Interpol.

De acordo com a Receita Federal, as empresas do casal são também suspeitas de sonegação fiscal. A GAS pagou R$ 587,9 mil em impostos, mesmo tendo registrado mais de R$ 2 milhões em movimentações. Na semana passada, apoiadores do empresário realizavam carreatas em Cabo Frio, Niterói e no Rio de Janeiro.

Os investidores afirmam, que mesmo após da prisão de Glaidson, continuam recebendo o pagamento mensal de 10% do valor investido normalmente.  Eles pedem a soltura do empresário, alegando que tiveram suas rendas aumentadas legalmente após investirem na GAS.

Mais lidas da semana