Mídias Sociais

Cidades

Alunos da rede pública municipal de Macaé voltam às aulas nesta segunda-feira, 4

Avatar

Publicado

em

 

Diretores, professores e profissionais da Educação devem receber os alunos da rede pública municipal de Macaé com atividades variadas já no primeiro de aula do ano letivo de 2019

Os alunos da rede pública municipal de ensino de Macaé retornam às salas de aula nesta segunda-feira, 4 de fevereiro e segundo a prefeitura, a expectativa é de receber cerca de 40 mil alunos.

Ainda de acordo com o governo municipal, a proposta de melhor receber professores e estudantes, diretores e suas equipes se prepararam para realizar atividades diferenciadas no primeiro dia de aula.

“O planejamento e cuidado por parte dos gestores e equipes pedagógicas para integrar os alunos novos e receber bem os que já estudam na rede municipal é indispensável. Neste processo, vale a aproximação com as famílias, as apresentações dos professores e da escola, além do desenvolvimento  de  atividades diferenciadas”, falou o Secretário de Educação, Guto Garcia (MDB), que retornou à pasta depois de 8 meses como vereador na Câmara Municipal.

Para melhor organizar o primeiro e segundo semestres, os diretores das escolas municipais estão se reunindo com as superintendências e coordenações da Secretaria de Educação para traçar diretrizes e atividades pedagógicas.

A prefeitura ressalta que a gestão democrática da Educação também será priorizada por meio de reuniões com pais ou responsáveis pelos alunos, horários de atividades para professores e conselhos de classe, sem prejuízos acadêmicos aos alunos.

O acompanhamento do dia a dia escolar poderá ser feito por pais ou responsáveis com o Portal do Aluno, ferramenta digital que permite o acesso de forma objetiva a informações específicas sobre o cotidiano do estudante. Para consultar, basta acessar o site oficial da prefeitura.

Para quem ainda pretende ingressar na rede municipal neste ano letivo e ainda não tem senha, a Secretaria de Educação recomenda que deve ser solicitado à direção da escola em que o aluno está matriculado um código específico para que a senha possa ser posteriormente alterada e confirmada através do e-mail pessoal cadastrado, enquanto a consulta para que já tinha acesso em 2018, não será modificada, bastando utilizar a mesma senha.

“O acompanhamento presencial  da rotina do estudante é fundamental, mas o portal é um processo  online, que facilita saber de informações pontuais”, analisa Guto.

O Portal do Aluno disponibiliza informações sobre o calendário escolar, notas do estudante, frequência, horário das aulas com respectivos turnos e quadro das disciplinas com nomes dos professores, além de fornecer dados como relatórios específicos do segmento Infantil, resultados e aproveitamentos.

As atividades nas unidades no Centro Municipal de Atendimento Especializado ao Escolar (Cemeaes), que funcionam no Centro, Barra, Parque Aeroporto e região serrana, em Córrego do Ouro, iniciam no dia 11 de fevereiro.

O ano letivo na rede municipal é divido por bimestres, divididos entre 4 de fevereiro e 30 de abril; 3 de maio e 12 de julho; 31 de julho e 30 de setembro; e entre 2 de outubro e 20 de dezembro, totalizando 202 dias letivos em 2019.

Mais lidas do mês