Mídias Sociais

Caderno D

Depois de 50 anos, filme gravado em Cabo Frio e censurado pela ditadura será exibido no município

Avatar

Publicado

em

 

 “Antes Verão” foi rodado na cidade em 1967 e restaurado em 2015

 

Nesta sexta-feira, dia 31, às 19h30,  acontece a 2ª Mostra Cinema no Museu, realizada pelo Mart. Depois de 50 anos,  será exibido o primeiro filme feito por um cineasta brasileiro em Cabo Frio: ‘Antes, o Verão’ (1968 / 80 min./Dir. Gerson Tavares). O filme, censurado pela Ditadura Militar foi restaurado apenas em 2015 pelo professor da UFF,  Rafael de Luna Freire. Nele,  atores consagrados da época como Norma Bengell e Jardel Filho.
“Era uma época diferente. Sartre era nosso guru, Antonioni o cineasta que eu mais gostava. Depois de passar por Espanha e França, comecei meus estudos de Cinema na Itália, no Centro Sperimentale di Cinematografia em 56. Mal sabia falar italiano e quem me ensinou foi Gianni Narzisi, bolsista siciliano, que se tornou meu melhor amigo e depois um grande diretor de fotografia. Tive entre paixões, uma italiana chamada Ivana, ela era muito louca. E numa dessas viagens para o Festival de Cinema de Veneza, de trem de Roma para lá, quando desço na estação, quem eu vejo? Sophia Loren, como era bonita, mesmo tendo acabado de acordar. Uma beleza única”, relembrou Gerson Tavares. “Na década de 60, Cabo Frio era uma cidade provinciana, mas com o povo muito acolhedor. Lembro que quase toda quarta-feira faltava luz na cidade, não existia rodoviária. Os ônibus saiam da Praça Porto Rocha,  como aparece no filme. A única coisa que continuou foi o vento. Aqui ainda se tem o maior ventilador da natureza”, completou o diretor.

Antes do longa,  será a estreia do curta-documentário ‘Depois, o Inverno’ (20 min./Dir. Lucas Müller) sobre a vida de Tavares.

“Será uma noite única. Fizemos um documentário simples sobre o Gerson que acabou de completar 91 anos de idade, e mora no Portinho há mais de 40 anos, e poucas pessoas o conhecem. O longa ‘Antes, o Verão’ é sem dúvida um dos melhores filmes do Cinema Novo, senão o melhor em fotografia, e nosso curta aborda essa relação desse filme com a cidade de Cabo Frio e um pouco da vida e obra deste grande diretor, que fez apenas dois longas-metragens e marcou história no cinema nacional”.

A 2ª Mostra Cinema no Museu contará com a presença dos diretores e debate após a exibição. A classificação é de 14 anos, e a entrada é franca no Convento Nossa Senhora dos Anjos, Largo Santo Antônio, Centro.

Victor Viana

Crédito: Divulgação

Mais lidas da semana