Mídias Sociais

Política

Prefeitura de Macaé ressalta importância da vacinação contra febre amarela neste início de ano

Avatar

Publicado

em

 

A Prefeitura de Macaé anunciou, nesta segunda-feira, 13, uma atualização do cartão de vacinação, fazendo um alerta para que os moradores de áreas consideradas de risco tomem a vacina contra febre amarela.

A vacina também faz parte do calendário permanente e deve ser tomada aos 9 meses de idade. Em 2019, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) facilitou a emissão do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) contra a febre amarela, documento que é exigido em cerca de 100 países, e que pode ser solicitado pela internet, com todo trâmite feito de forma digital.

Quem ainda não recebeu a vacina contra febre amarela pode procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência, lembrando que a vacina não é recomendada para gestantes, lactantes de crianças com até 6 meses de idade, e nem para quem tem mais de 60 anos.

A Secretaria de Saúde de Macaé explica que a vacina é elaborada com o vírus vivo atenuado, e que em 95% das pessoas, a imunidade ocorre uma semana após a aplicação e funciona por, pelo menos, 10 anos, e segundo alguns estudos, por toda a vida.

“O Calendário Nacional de Vacinação contempla não só as crianças, mas também adolescentes, adultos, idosos e gestantes. No total, são disponibilizadas na rotina de imunização 19 vacinas cuja proteção inicia ainda nos recém-nascidos, podendo se estender por toda a vida. Em 2020, a vacinação contra febre amarela será ampliada no Calendário Nacional de Vacinação para todo o país. Dessa forma todos os municípios do território nacional passam a ser área de recomendação da vacina. E será incluída a dose de reforço para crianças com 4 anos de idade. A febre amarela é uma doença infecciosa causada por um vírus e transmitida por mosquitos. A infecção pode ser categorizada de duas formas: febre amarela urbana, quando é transmitida pelo Aedes aegypti, ou febre amarela silvestre, quando transmitida pelo Haemagogus e Sabethe”, acrescentou a prefeitura.

Mais lidas da semana