Mídias Sociais

Política

Prefeitura de Macaé divulga cronograma desta semana para ações do Centro de Controle de Zoonoses

Avatar

Publicado

em

 

Conforme Macaé vai se readaptando à chamada fase verde, quando a taxa de reprodução do coronavírus na cidade é menor do que 1, retornando aos poucos às atividades comerciais, a Secretaria de Saúde prossegue com as ações de controle de pragas no município.

Realizadas pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), as ações reforçam os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, da zika e da chikungunya, além do controle de roedores e do pernilongo culex.
Segundo a prefeitura, os agentes de endemias, que não pararam de atuar durante os meses de pico da pandemia do coronavírus em Macaé, continuarão realizando as visitas domiciliares, orientando a população a respeito das ações de controle à proliferação do Aedes aegypti.

O município reforçou que, além das visitas domiciliares nos bairros, as equipes do CCZ também atuarão em pontos estratégicos como empresas, praças, borracharias e depósitos de materiais recicláveis, promovendo orientação, inspeção, eliminação e aplicação de inseticida de ação residual nos depósitos, por meio de bombas aspersoras, impedindo assim que a proliferação do mosquito.

Em cronograma divulgado nesta semana, os agentes de endemias devem percorrer, até a próxima sexta-feira, 21, os bairros São José do Barreto, Nossa Senhora da Glória, Imboassica, Virgem Santa, Costa do Sol, Visconde de Araújo e Miramar.

Sobre as ações contra a proliferação do pernilongo culex, os agentes do CCZ percorrerão os principais canais da cidade, fazendo o levantamento do índice larvário do pernilongo, que, se prolifera em água suja, diferente do Aedes, que se prolifera em água limpa.

Para as ações contra o culex, que é um gênero de mosquito que engloba mais de 300 espécies de pernilongos, o CCZ se utilizar da técnica de conchada, que consiste na coleta de água do canal para verificar a quantidade de larvas, para, a partir das amostras, fazer a aplicação de larvicida biológico, através de uma máquina pulverizadora ao longo das margens dos canais.
Sobre as ações de combate a roedores, o cronograma das equipes do CCZ para esta semana, depois dos trabalhos realizados no Centro nesta segunda-feira, 17, e no Visconde de Araújo, nesta terça, 18, os trabalhos seguem no Sol y Mar, na quarta, 19, no Lagomar, nesta quinta, 20, e nos Cajueiros, nesta sexta.
“A orientação dos agentes é para que a população evite o acúmulo de lixo e respeite o dia de passagem do caminhão de coleta. Eles alertam que os ratos são transmissores da leptospirose, doença que pode matar. A doença é transmitida pela urina do rato e a contaminação se dá, geralmente, pela ingestão ou contato da pele com água contaminada”, completou a prefeitura, a respeito das ações de combate a roedores nos bairros da cidade.

Mais lidas da semana