Mídias Sociais

Política

Prefeito de São Pedro da Aldeia reforça desejo de inserir a cidade na rota do desenvolvimento da região

Avatar

Publicado

em

 

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia comemorou nesta semana as políticas de atração de investimentos que trouxeram para a cidade mais 3 grandes empresas, que devem gerar novo empregos e fomentar o desenvolvimento do município.

As mais novas empresas que chegaram na cidade são a Cervejaria Petrópolis, o Dom Atacadista, e o Mercado Livre, que, segundo a prefeitura, podem gerar diretamente 500 novos empregos diretos e mais 500 indiretos, contribuindo também com o aumento na arrecadação de impostos.

Nesta semana, representantes dos novos empreendimentos estiveram reunidos no gabinete do prefeito Cláudio Chumbinho (PP) para apresentar os projetos de implantação das empresas, que já estão sendo discutidos há quase 1 ano.

Para o prefeito, a atração das novas empresas consolida o trabalho que tem sido realizado nos últimos 8 anos dos seus 2 mandatos, que foram responsáveis pela instalação de empreendimentos como Atacadão, Havan, CostAzul Supermercados, Renault, Fiat, Hyundai, Lagos Meat, Boi Bom e Pepsico, entre outros.

“Tenho me dedicado ao máximo para inserir a nossa cidade na rota do desenvolvimento. Assim, geramos mais emprego, arrecadamos mais impostos e melhoramos a vida da nossa população”, afirmou Cláudio Chumbinho.

De acordo com a prefeitura, a Cervejaria Petrópolis vai trazer o seu Centro de Distribuição, empreendimento que prevê estacionamento para 800 veículos e que deverá ser construído às margens da RJ-140, ao lado do CostAzul Supermercados.

Já a empresa regional Dom Atacadista vai se instalar no bairro Campo Redondo, próximo ao Atacadão, empreendimento do mesmo segmento, aumentando o potencial comercial do bairro, que ainda pode ganhar uma galeria com lojas disponíveis para venda e aluguel.

“Outra grande conquista para o município aldeense é a chegada do Mercado Livre. A empresa vai transferir de São Paulo para São Pedro da Aldeia o seu Centro de Distribuição. O galpão já está em fase de construção, no bairro de São Mateus. A expectativa é de que os empreendimentos comecem a funcionar em 6 meses”, concluiu a prefeitura nesta semana.

Mais lidas da semana