Mídias Sociais

Política

Cartão Macaé começou a funcionar no município no último sábado, 13, mas 99% dos cadastrados ainda não foram buscá-lo

Publicado

em

 

Usuários do Cartão Macaé que estiverem em posse do cartão e pagarem o valor da tarifa em dinheiro manterão o benefício da passagem a 1 real nos ônibus de transporte público municipal

Entrou em operação no último sábado, 13, o Cartão Macaé, juntamente com o aumento da passagem para R$ 3,05 para os que não são usuários do programa. Para quem fez o cadastro, restrito apenas aos moradores da cidade, a passagem continua a R$ 1,00.

Atendendo a um pedido da Câmara Municipal, a prefeitura retirou o limite de uso diário, mas é importante lembrar que para ter os benefícios da passagem mais barata, os usuários do Cartão Macaé precisam, além de ter o cartão em mãos, pagar o valor em dinheiro, já que o pagamento feito por cartões como o da RioCard, debitarão o valor integral, de R$ 3,05.

Segundo a prefeitura, o primeiro dia de acesso ao transporte público com o Cartão Macaé foi aprovado pelos moradores da cidade, que elogiaram o serviço, dizendo não ter encontrado problemas no primeiro dia.

“Trabalho no Lagomar de segunda a sábado. Preciso pegar condução, e não tive problemas em pegar o transporte com o cartão. Consegui fazer o cartão rapidamente no mês de julho, peguei sem demora, e agora estou podendo usar sem problemas. Se não fosso o cartão, eu iria ter que pagar a mais e teria dificuldades com meu orçamento”, O contou Daniel Matos Alves, morador do Visconde de Araújo, ao site da prefeitura.

“Para o trabalhador, como eu, o Cartão Macaé é muito importante. Seria difícil pagar a passagem pelo preço normal. Sem o cartão, gastaria R$146,40 por semana e com o cartão são R$ 48,00, um terço do valor integral. Tenho família e contas para pagar. Sei que em outras cidades não temos esta oportunidade, temos que aproveitar”, comentou Gabriele Carvalho, que também estreou o cartão no sábado.

Entrega – Sobre a retirada do cartão para quem se cadastrou até o último dia 3, a prefeitura disponibiliza o serviço de segunda a domingo, de 8h às 20h, na antiga garagem da Macaense, na Rua Antero Perlingeiro, 402, no centro da cidade.

Para fazer a retirada do cartão, os moradores cadastrados precisam apenas de um documento oficial com foto e CPF.

Ainda segundo o governo municipal, alguns problemas foram registrados neste primeiro dia de uso, com usuários que ainda não foram buscar o cartão, mas queriam o benefício do pagamento da passagem no valor de R$ 1,00.

Por isso, a prefeitura ressalta a importância de a população inscrita no programa procurar o setor de entrega, que  já recebeu mais de 136 mil cartões para distribuição, o que corresponde a cerca de 99% dos cadastros realizados.

Quem ainda não fez o cadastro, pode fazê-lo na sede da Secretaria de Mobilidade Urbana, localizada na Rua Euzébio de Queiroz, 678A, no Centro, pois o atendimento acontece de segunda a sexta-feira, de 8h às 16h.

Reforma – O governo municipal confirmou ainda que o fechamento para obras de reforma no Terminal Central acontecerá no próximo sábado, 20, quando será iniciada nova operação de distribuição de linhas na cidade.

Durante as obras, que têm previsão de 1 ano, mais 3 Estações de Integração funcionarão no Centro para atender a todas as linhas que passavam pelo Terminal Central, totalizando 4 estações que ficarão divididas de acordo com o sentido das linhas.

No Ponto Final 1, que fica na Rua Jandira Perlingeiro, funcionará o ponto final das linhas A32, A52, C21, T111, T31, T61 e T22. No local ainda passarão as linhas T51, A21, A31, A51, A81, C11, C31, C41, A12, A22, A73, T11, T21, T41, A41, A91, A13, A23, A33 e A53, único ponto final com embarque e desembarque de passageiros.

Todavia, outras linhas circularão neste ponto, como T51, A21, A31, A 51, A81, C11, C31, C41, A12, A22, A73, T11, T21, T41, A41, A91, A13, A23, A33 e A53.

De acordo com a prefeitura, as demais estações servirão para suporte operacional do sistema, enquanto outras funcionarão em regime circular, como A12, A13, A21, A22, A23, A31, A33, A41, A51, A53, A81, A73 e A9.

Três das 4 Estações de Integração funcionarão na Praça Veríssimo de Melo. Na Estação 1, que fica na Rua São João, funcionarão as linhas T11, T111, T51, A 41, A 81, A91, C11, C21, C31, C41, C52, A73, com sentido Região Norte.

Na Estação 2, também na Rua São João, funcionam as linhas T21,T41, T51, A41, A91, A12, A22, A32, T12 e T22, também com sentido Região Norte.

Já na Estação 3, na Rua Doutor João Cupertino, operam as linhas T11, T111, T21, T41, T51, A21, A41, A81, A91, C11, C21, C31, C41, A12, A22, A32, A52, T12, T22 e A73, com sentido Região Sul.

E na Estação 4, que fica na Praça Washington Luiz, operam as linhas T51, A41, A91, T12, A13, A23, A53, S13, S23 e S33, que atendem à Região Serrana do município. As mudanças no sistema também começam a funcionar no sábado, 20.


 

Mais lidas do mês