Mídias Sociais

Destaque

Polícia Civil prende funcionário da Enel por corrupção passiva em Cabo Frio

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Agentes da Polícia Civil, em apoio à Concessionária Enel, prenderem em flagrante um funcionário da empresa por corrupção passiva, na manhã desta quinta-feira (27).

Conforme a polícia, após informações de que o funcionário estaria realizando adulteração na leitura dos medidores de energia da empresa, as equipes foram até o local e flagraram o colaborador imprimindo fatura da conta de luz.

Na abordagem, foi confirmado que ele havia lançado 399 Kw/h, dando um total à pagar de R$ 462,95, quando, na verdade, deveria registrar 5852 Kw/h, dando um total à pagar de aproximadamente R$ 5.146,32.

O funcionário confessou que o proprietário do estabelecimento havia ofertado R$ 100 para que este sempre lançasse valor abaixo do marcado no medidor. O proprietário do imóvel não estava no local no momento da captura, mas foi instaurado Inquérito Policial em relação à conduta. O funcionário da concessionária foi preso em flagrante delito por corrupção passiva.

Mais lidas da semana