Mídias Sociais

Destaque

Menino de 7 anos morre após receber medicação intravenosa em hospital de Saquarema

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Um menino de sete anos morreu, na madrugada desta quarta-feira (19), após receber medicação intravenosa no Hospital Nossa Senhora de Nazareth, no distrito de Bacaxá, em Saquarema, na Região dos Lagos.
Segundo familiares, Jhonathan Leonardo Souza, deu entrada no setor de pediatria com quadro de febre, tosse e vômito, mas, logo após receber a medicação, sofreu paradas cardíacas. Parentes afirmam que houve negligência. A Prefeitura informou que abriu um processo administrativo para investigar o caso.

Descrição dos medicamentos indicados em hospital de Saquarema.

A família mostrou o documento do hospital com a descrição dos medicamentos prescritos: soro fisiológico, ondansetrona, ranitidina e nebulização com adrenalina 1 mg/ml, em quantidade igual a 3. Também houve indicação de radiografia de seios da face e radiografia de tórax. “Deram um medicamento com adrenalina e ele veio a óbito em menos de 24 horas. Eu acho que não teve inalação. Eu acho que a adrenalina que era para ele inalar, eles aplicaram na veia”, explica Juli Gomes, parente da vítima.

Jhonathan chegou a ser transferido para o Hospital Estadual Roberto Chabo em Araruama, por volta das 23h desta terça, mas não resistiu e morreu às 1h22 desta quarta. “Meu ‘pequenininho’ chegou andando. Chegou com febre, tossindo e com vômito. Pegaram ele, passaram exame mas mandou fazer o medicamento primeiro. Aí, quando fez o medicamento na veia, ele não aguentou e parou. Eles entubaram ele e o médico falou que as chances já não eram boas”, contou a tia Simoni Carvalho.

Certidão de óbito de Jhonathan Leonardo Souza.

Na certidão de óbito consta “hemorragia pulmonar maciça, insuficiência cardíaca e arritmia cardíaca como causas da morte”. O corpo da criança foi velado no início da tarde desta quarta e enterrado no cemitério de Sampaio Corrêa, distrito de Saquarema, por volta das 16h. A família contou que a Prefeitura arcou com os custos do velório, já o enterro será pago pelos familiares. Em nota divulgada, a Prefeitura de Saquarema disse que lamenta o ocorrido com o menino Jhonathan e que vai investigar.

O pai da criança publicou em seu perfil em uma rede social: "Hoje com muito pesar eu perdi o meu filho a criança mais alegre com energia alegria o menino com mesmo com 39 graus de febre brincava, zoava é uma perda muito dolorida ele era um Príncipe amoroso cuidadoso fã de super heróis se preocupava com todo mundo nunca fez mal a ninguém."

Veja a nota na íntegra

“A Prefeitura de Saquarema lamenta o ocorrido com o menino Jhonatan. Ele deu entrada no Hospital Nossa Senhora de Nazareth, em Bacaxá, e de acordo com a IAGES, Organização Social que administra o hospital, o paciente apresentava quadro respiratório e recebeu as medicações de rotina conforme prescrição médica. A Prefeitura de Saquarema, por meio de sua assessoria jurídica, abriu processo administrativo para investigar o caso e determinar o que houve. Após a conclusão das investigações, o departamento jurídico tomará as devidas providências. A Prefeitura, novamente, lamenta o ocorrido e se solidariza com os familiares e amigos do Jhonatan neste momento de luto”.

Mais lidas da semana