Mídias Sociais

Destaque

Criança vendida por R$ 200 pela mãe em São Pedro da Aldeia já havia sido resgatada pelo Conselho Tutelar

Publicado

em

 

Uma criança que foi vendida pela mãe pelo valor de R$ 200, em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, já foi resgatada pelo Conselho Tutelar. Na época do crime, que aconteceu em fevereiro de 2020, a menina tinha apenas um mês de vida.

O resgate aconteceu na mesma época e a menor foi encaminhada para um abrigo da região, onde aguarda a decisão da Justiça para o destino dela seja definido. Após ser capturada nesta terça-feira (27), Marilza Medeiros da Conceição, confessou ter vendido a própria filha para comprar drogas.

De acordo com o delegado titular da 125ª Delegacia Policial (125ª DP), Milton Siqueira Junior, Marilza disse, inicialmente, que a criança estava sob os cuidados do pai, mas após alguns minutos de conversa com os policiais, ela confessou que havia vendido a menina para uma mulher, identificada como Elisangela da Silveira Pacheco, em Saquarema.

Elisangela já foi a julgamento por ter aceitado a compra da criança e, em audiência realizada em 8 de junho, foi condenada pelo juiz Márcio Costa Dantas a comparecer bimestralmente em Juízo, pelo prazo de dois anos, para apresentar endereço e telefone, além da prestação de serviços à comunidade.

Marilza está à disposição da Justiça e vai responder pelo crime previsto no artigo 238 do Estatuto da Criança e do Adolescente.

Mais lidas da semana