Mídias Sociais

Destaque

Corpo de taxista macaense é encontrado com sinais de violência na BR-101, em Quissamã

Publicado

em

 

Um taxista foi encontrado morto, às margens da BR-101, na altura do trevo de Quissamã, no Norte Fluminense, na manhã desta terça-feira (5). Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima, identificada como Jorge Maxi da Silva, de 61 anos, foi encontrada com o pescoço cortado ao lado de seu táxi, um veículo modelo Nissan Grand Livina com placa de Macaé, no km 125,2, sentindo Norte da rodovia.

Segundo o laudo preliminar da necropsia, a causa da morte foram lesões de grandes vasos do pescoço, causados por um esgorjamento, ou seja, a vítima teve o pescoço cortado na parte frontal.
No local, foi encontrada uma faca, que pode ter sido utilizada no crime. Ainda não há pistas sobre a autoria e motivação do crime.

Ninguém foi preso. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Macaé e ocorrência registrada na 122ª Delegacia Policial de Conceição de Macabu (122ª DP), onde o caso será investigado.

Mais lidas da semana