Mídias Sociais

Destaque

Theo Fresia conquista o título brasileiro Pro Júnior (sub-20)

Publicado

em

 

O surfista ainda compete no próximo sábado(15) o Campeonato Paulista e retorna à Búzios

Tânia Garabini

 

Nesse domingo (9), o surfista Theo Fresia, de Búzios (RJ), conquistou o título brasileiro Pro Júnior-Sub 20. O cenário foi o mesmo de 2016, quando o atleta já havia se destacado, em terceiro lugar, na Praia do Guaraú, em Peruíbe, São Paulo. Theo faturou o superando três paulistas na final, com Pedro Dib em segundo, Kauê Germano, em terceiro, ambos de São Sebastião, e Giovani Pontes, de Guarujá, em quarto, que competiu com a perna esquerda machucada e chegou a correr o risco de ficar de fora da decisão, ao sair com muita dor e carregado após uma grande performance na semifinal.

Na competição, foram surfistas de sete estados, com R$ 15 mil de premiação, sendo R$ 4 mil ao campeão, além de kits. Com praia cheia e sol, as ondas estavam difíceis, com até 1,5 metros e a arrebentação bem distante, obrigando um esforço a mais dos atletas. Fora do mar, o evento contou com atrativos, como um torneio de frescobol, no sábado, o futmesa, para entreter público e competidores durante os intervalos de disputas, e área vip para os surfistas descansarem e acompanharem as disputas.

Na final, Theo garantiu um grande desempenho, abrindo a bateria com uma nota 7,77 e depois ampliando para tirar 8,93, a maior do evento. Ele somou 16,70, menos de um ponto à frente de Pedro Dib, com 15,80, que também teve uma grande performance, sobretudo do meio da bateria em diante, abrindo com 7,90 e depois repetindo a mesma nota.

“Esse título é recompensa do trabalho duro. Ninguém ganha por acaso”, vibrou o atleta de 20 anos. “Uma honra ter feito final nos dois anos. Mudou muita gente, entraram muitos talentos e uma nova geração chegando forte. Agora cheguei ao ápice do pro júnior aqui no Brasil com esse título. Só tenho de agradecer”, falou.

Theo fez um comparativo do mar com o seu local de treinamento, a Praia de Geribá. “A troca de borda e a leitura são as mesmas. Tem de tentar prever o que vai ter de fazer e já tinha experiência e foi só encaixar e tomar as melhores decisões”, explicou. Com o título, Theo espera agora um novo impulso na carreira, sobretudo no Circuito Mundial QS e já planeja novas metas.

 

“Estou correndo atrás há mais de dez anos e o próximo passo é tentar ficar entre os 100 melhores do Mundo, para chegar às etapas prime. Vamos trabalhar duro, fazer as coisas certas, viver bem, respeitar o próximo”, afirmou Théo, que levou um banho de TNT Energy Drink dos companheiros de pódio.O surfista ainda compete no próximo sábado(15) o Campeonato Paulista Profissional e retorna à Búzios, onde será recebido com uma coletiva de imprensa, na segunda(17).

 


 

Mais lidas do mês