Mídias Sociais

Esporte

Alexandre Campello dá voto de confiança a Ricardo Sá Pinto no Vasco

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Ricardo Sá Pinto está vivendo dias de muita pressão no Vasco por conta da má campanha do time no Campeonato Brasileiro. Só que internamente o cenário parece ser diferente. A diretoria do Cruz-Maltino vem mantendo o apoio ao treinador. Nesta semana, o presidente Alexandre Campello declarou todo o seu apoio ao português.

Campello disse acreditar que uma troca de comando a essa altura acabaria por não ajudar o time.

"Não acho que mais uma mudança de treinador vá resolver. Leva tempo até o treinador conhecer o elenco e acho que todos devem dividir a responsabilidade. Jogadores e comissão. E direção. Ninguém ganha ou perde sozinho no futebol. Cada um tem que assumir sua responsabilidade", disse o mandatário.

Ricardo Sá vem sendo bastante criticado pelos torcedores do Vasco. É da torcida que vem a maior pressão por sua demissão. Mas há também conselheiros e apoiadores do Campello que são contra a permanência do treinador. Ainda assim, o presidente vem mantendo total apoio ao trabalho do português.

Sá Pinto chegou ao Rio no dia 15 de outubro. De lá para cá, comandou o Vasco em 13 jogos, tendo somado apenas duas vitórias neste período. Nas demais partidas foram cinco empates e seis derrotas, já contando com a Sul-Americana, onde o time foi eliminado pelo Defensa Y Justicia.

Ao defender o português, Campello indiretamente acabou por criticar o antecessor, Ramon Menezes.

"Agora não conseguimos jogar com o mesmo time duas vezes seguidas. Tivemos vários problemas com a Covid-19, e o treinador quase não teve uma semana cheia para treinar, ao contrário do Ramon que teve a maior pré-temporada que eu já vi no futebol", disse Campello.

O próximo compromisso do Vasco pelo Campeonato Brasileiro será no domingo (20), quando o Cruz-Maltino irá receber o Santos, às 16 horas, em São Januário.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana