Mídias Sociais

Emprego

Macaé registra 1.914 vagas de emprego no primeiro quadrimestre deste ano, segundo Caged

Avatar

Publicado

em

 

Segundo o Ministério do Trabalho, Macaé mantém índice favorável na geração de emprego em 2019. No primeiro quadrimestre, 1.914 vagas foram abertas, o que leva a cidade a registrar o melhor desempenho alcançado no mesmo período, nos últimos seis anos.

Em abril, ao registrar abertura de 194 novas vagas de emprego, a cidade mantém a média positiva indicada pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) nos últimos três meses. Neste ano, em janeiro, o município obteve saldo negativo, fechando 252 postos.

Segundo os dados do Caged, os setores que mais contrataram na cidade no período foram:

Pintor Industrial  (R$ 1.944,14), Caldeireiro (R$ 2.030,11), Montador de Andaime (R$ 1.871,46), Assistente Administrativo (R$ 1.239,39), Auxiliar de Escritório (R$ 1.016,08), Servente de Obras (R$ 1.264,02), Motorista de Caminhão (R$ 1.877,71), Faxineiro (R$ 1.201,76), Vendedor (R$ 1.274,90) e Soldador (R$ 2.518,49).

Na construção civil, a atividade de servente de obras, com salário médio de R$ 1.264,02, ocupa a sexta colocação entre as que mais gerou contratação no ano. No comércio, vendedor com salário de R$ 1.274,90, foi a que mais abriu oportunidades.

Somando também os saldos positivos de fevereiro (1.111) e março (861), o  município estabelece no primeiro quadrimestre deste ano um desempenho favorável do mercado de trabalho, o que indica o reaquecimento de setores ligados ao petróleo, construção civil e ao comércio.

No geral, Macaé obteve o melhor desempenho indicado pelo Caged  desde 2013, ano que marca o início da fase de recessão das atividades ligadas ao petróleo.

Legenda

4.1-

Crédito:  Rui Porto Filho

 

 

 

Mais lidas da semana