Mídias Sociais

Destaque

Prefeitura de Macaé avança em obras do novo prédio da UFF na Cidade Universitária

Bertha Muniz

Publicado

em

 

O novo prédio faz parte do programa de expansão do polo universitário e será entregue já no segundo semestre de 2019.

Sob o comando da Prefeitura de Macaé, será entregue, já no segundo semestre de 2019, o bloco D da Cidade Universitária, destinado à Universidade Federal Fluminense (UFF). A construção atende demandas pontuais para que a universidade crie uma identidade sólida, agregando mais conhecimento ao ensino superior de Macaé. O novo prédio faz parte do programa de expansão do polo universitário.

As obras do Bloco D tiveram início em maio deste ano, a partir de uma intervenção do prefeito, Dr Aluizio, junto ao vice- reitor da UFF, professor Antônio Claudio, que perceberam a necessidade de fundamentar um espaço próprio para que universidade pudesse expandir as suas atividades de conhecimento no município. Além dos três cursos já oferecidos pela UFF na cidade, a expectativa é que outros sejam criados a partir da demanda local.

“A UFF irá ter um prédio sede e, consequentemente, terá suas prerrogativas de independência de gestão deste prédio, de trabalho de construção pedagógica. Nossa proposta junto a UFF, é que ela agora com a entrega deste bloco, a faculdade amplie as atividades para programas de pós-graduação em todas as áreas de conhecimento que ela já possui”, destacou o secretário adjunto de Ensino Superior, Marcio Magini.

O bloco D. terá 4.500 metros quadrados de área construída, com três pavimentos. No térreo, funcionarão a secretaria, salas da direção e de professores, biblioteca, diretório acadêmico, auditório com capacidade para até 200 pessoas, copa e sanitário, e os pavimentos um e dois terão 15 salas de aula cada, constituindo, ao todo, mais de 40 espaços para a população acadêmica.

Foram destinados cerca de 12 milhões destinados a este projeto único que fortalece ainda mais a Cidade Universitária. A ideia é contribuir com o modelo de interiorização de grandes universidades do país, se consolidando como a cidade do conhecimento.

“Nós entendemos a importância dessa ação para o município, pois em Macaé abriga hoje cerca de 14 mil alunos no Ensino Superior, sendo 5.500 deles somente na Cidade Universitária, circulando em um ambiente onde quatro universidades públicas coexistem e coparticipam das ações, trabalhando de forma integrada em um modelo único de gestão que não existe em nenhum outro  município”, reforçou Magini.


 

Mais lidas do mês