Mídias Sociais

Educação

Em Rio das Ostras, plataforma virtual é criada para professores que lecionam para jovens e adultos

Avatar

Publicado

em

 

Ferramenta beneficia 12 educadores, que lecionam no Módulo 1 da EJA (Educação de Jovens e Adultos)

 

Daniela Bairros

Rio das Ostras criou plataforma virtual voltada para os professores que atuam na EJA (Educação de Jovens e Adultos) na rede municipal de ensino e vem colaborando com a formação e a troca de conhecimentos. A ferramenta beneficia 12 educadores que lecionam no Módulo 1 da EJA, equivalente aos anos iniciais do Ensino Fundamental.

Idealizada pela Coordenadoria de Avaliação, Acompanhamento Pedagógico e Formação – Casa da Educação, a plataforma recebeu o nome de Interaja e foi implantada em maio deste ano. O programa disponibiliza documentos, propostas de atividades, conteúdos multimídia, como vídeos e infográficos interativos, além de fotos de tarefas e ações desenvolvidas nas salas de aula para os 185 alunos matriculadas na EJA – Módulo 1.

“A plataforma nasceu com o objetivo de oferecer um espaço para a reflexão, formação, disseminação e produção de conhecimento. Pretendemos criar uma referência para professores, gestores e demais profissionais que têm se dedicado a assegurar o direito ao pleno acesso ao mundo da escrita para todos os riostrenses, como garantia do aprendizado ao longo da vida e da participação social”, explica Laura Dutra, que coordena a EJA – Módulo 1.

Para alimentar a plataforma com conteúdos, a equipe conta com o designer instrucional Carlos Eduardo de Oliveira, profissional responsável por organizar de forma didática todo o material disponibilizado. “Cada professor da EJA recebe uma senha e login para acessar o Interaja. No local são encontrados documentos, atividades divididas nas áreas de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, Geografia de História, espaço para troca de experiências com fotos, entre outros tópicos”, informa.

Cursos

Ainda este ano, a Casa da Educação vai oferecer quatro cursos de formação continuada para os professores que atuam na EJA. A equipe da Casa também está organizando um Caderno Pedagógico para ser usado por esses educadores.

 

Crédito: Akilla Ribeiro

Mais lidas da semana