Mídias Sociais

Destaque

Bióloga e enfermeira recebem as primeiras doses da CoronaVac em Macaé

Publicado

em

 

Macaé começou a vacinação contra a Covid-19 às 16h desta terça-feira (19), no Centro de Convenções. A primeira a receber a dose da CoronaVac foi a bióloga Keity Jaqueline Chagas Vilela Nocchi, 36 anos, que coordena os Laboratórios de Análises Clínicas da prefeitura há nove anos, sendo responsável pelo diagnóstico do Covid-19, desde março. Formada há 12 anos pela Universidade Estadual Fluminense (Uenf), a profissional faz, atualmente, doutorado em Fisiologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ/Nupem).

“Recebi a notícia nesta terça pela manhã e estou muito emocionada. Estamos na linha de frente desde março do ano passado, e considero que tudo vale a pena quando escolhemos trabalhar na saúde para fazer o melhor ao próximo. Estou sendo abençoada porque não tive Covid", pontuou a bióloga.

A segunda a receber a vacina foi a enfermeira Rosani Espíndola Caruso, 57 anos, formada há 34 anos que há 16 trabalha no Hospital Público de Macaé (HPM). Atualmente, Rosani coordena as Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) para Covid-19 na instituição, com 53 leitos. "É uma grande emoção e Torcemos muito para que esse dia chegasse. A vacina foi esperada por todos e precisamos acabar com isso, perdemos várias pessoas de todas as idades", disse a Rosani.

Outros profissionais da área, rede pública e privada, também foram vacinados neste primeiro dia. Macaé recebeu, nesta terça-feira (19), por volta das 8h55, o primeiro carregamento de doses da CoronaVac. As 2.973 unidades chegaram em helicóptero da Polícia Civil, no aeroporto do município. A carga estava prevista para o período da tarde, mas foi antecipada pelo governo estadual, que realiza a distribuição no Rio de Janeiro. O material, que atende somente a primeira dose, foi recebido por técnicos da Secretaria de Saúde e encaminhado para a Casa da Vacina.

Prefeito destaca atuação dos profissionais de Saúde

Durante a cerimônia, o prefeito de Macaé, Welberth Rezende, parabenizou a atuação de todos os profissionais que atuam nas redes pública e privada. Ele destacou também o apoio da Câmara Municipal, com a união de todos os vereadores, que disponibilizaram a verba de emendas impositivas, cerca de R$ 24 milhões, para a compra de vacinas. O Legislativo foi representado pelos vereadores Cesinha (presidente), Rafael Amorim, Alan Mansur, Luciano Diniz e professor Michel.

"Estamos com recursos reservados para a compra de vacinas, porém, nesse primeiro momento, o governo federal encampou todas as doses do Butantan. A ideia é conseguirmos fazer a compra direta com o instituto, ou seja, cerca de 500 mil doses, para imunizarmos toda população macaense em duas doses", frisou o prefeito.

Primeiro dia de vacinação

A vacinação, nesta quarta-feira (20), tem previsão para começar às 9h. Serão atendidos cinco serviços de saúde nesse primeiro dia: HPM, São João Batista, Clínica São Lucas, Unimed e Centro de Triagem do Coronavírus. Serão envolvidos cerca de 30 profissionais, incluindo as Secretarias de Saúde e Mobilidade Urbana, além da Polícia Militar. A expectativa é imunizar cerca de 200 profissionais de saúde. No período da tarde, a imunização acontecerá em quatro asilos, beneficiando 120 idosos.

Foto: Bruno Campos

Mais lidas da semana