Mídias Sociais

Covid-19

Após morte de idoso por suspeita de Covid-19, Asilo de Cabo Frio passa por reestruturação

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Após a morte de um idoso com suspeita de coronavírus, morador de um asilo no bairro Jardim Esperança, em Cabo Frio, o Lar da Cidinha precisou passar por uma reestruturação e desinfecção.

Conforme informações, há cerca de duas semanas, o idoso começou a ter sintomas relacionados à Covid-19 e foi encaminhado para o Hospital Municipal Otime Cardoso dos Santos. Em seguida, ele foi transferido para o Hospital de Campanha Unilagos, que atende pacientes com coronavírus na cidade. Ele morreu com suspeita da doença na madrugada desta segunda-feira (25).

Uma equipe da Vigilância Epidemiológica de Cabo Frio esteve no abrigo e realizou testes rápidos de coronavírus nos idosos e profissionais. Uma senhora testou positivo para a doença e também foi transferida para o Unilagos.

O Lar da Cidinha precisou passar por uma série de restruturações e manter os idosos em isolamento. Durante a desinfecção do local, aqueles que apresentaram sintomas relacionados à COVID-19 ficaram em isolamento hospitalar no Unilagos e, os demais, foram encaminhados para uma pousada e já retornaram para o asilo.

A idosa que testou positivo teve evolução dos sintomas e precisou fazer uso de um respirador na unidade de saúde. Segundo informações, ela já apresentou melhoras no estado de saúde e a previsão de alta é para esta sexta-feira (29).

Mais lidas da semana