Mídias Sociais

Cultura

Primeira semana do 5º Festim é sucesso. Evento segue até próximo domingo (30)

Publicado

em

 

Daniela Bairros

A primeira semana do 5º FESTIM (Festival de Esquetes de Macaé) Artes Integradas foi sucesso total. O evento segue até o próximo domingo, dia 30 de maio.

Segundo o produtor e idealizador do festival, Aldebaran Bastos, foi uma semana de muitas apresentações, participação maciça do público virtual, que pode prestigiar tudo pelas plataformas digitais, do instagram @festim_festival e pelo canal do youtube, Festim Festival.

“Foi uma semana linda. Com lindas apresentações, de artistas renomados, principalmente a Mostra Competitiva de Teatro. Além disso, tivemos e teremos participações de convidados especiais até o próximo domingo, dia 30”, explicou.

Durante a semana, de segunda à sexta-feira, estão sendo postados, nas redes sociais do festival, conteúdos digitais de variadas expressões artísticas, como vídeo clipes, documentários, performance e audiovisual. E, aos finais de semana, tem a programação com a mostra competitiva e apresentação dos convidados.

No primeiro final de semana do festival, o evento teve a participação do humorista Marcelo Marrom e do Trio  Oyó, integrado pelos musicistas Jô Wilme, Lauro Junior e Jean Carlos.

O 5º  FESTIM apresentou, no primeiro final de semana,  o documentário “Mulheres da Enxada”, projeto contemplado pelo edital ELIPSE – Programa Estadual de Fomento ao Curta Universitário, “Porto da Barra”, contando toda trajetória de resistência do Cine Teatro de São João da Barra, fundado em 1906, “O Fado de Quissamã, resgatando a memória sonora fluminense e “Danças Urbanas: uma construção de indivíduos”, que fala sobre da importância que a Dança Urbana possui na construção de indivíduos na sociedade. Além do Curta Metragem “A Origem do Dinheiro”, de Eliz Brito, Poesia ao vídeo “Procura-se um Amor”, da Adriana Falcão com interpretação de Viviane Santos, “Do Artista”, trabalho da atriz Isabella Cantarino que reflete o “ser” artista e para fechar, o duo de dança “Liquidez” com bailarinos Josie Schuenk e Pedro Henrique. É com muita alegria que temos uma programação plural, onde todos artistas são macaenses ou com forte ligação com a cidade. Para o Festim, é um grande orgulho contribuir para a valorização dos artistas locais, visto que tem sido uma de nossas bandeiras desde o início do Festival, relata Aldebaran.

Neste ano, o festival foi contemplado pela Lei Aldir Blanc e serão distribuídos mais de R$ 20 mil em cachês e prêmios, exposição fotográfica e a Campanha Festim Solidário, que já estão sendo realizadas também pelo instragram.

“Gostaria de agradecer a todos que contribuem para a realização do Festim 2021. Todos os incentivadores, parceiros e também a equipe de produção deste ano. À equipe, meus agradecimentos: Viviane Santos, Patrick Nunes, Beatriz Siqueira, Marcelo Fonnseca e todos os demais envolvidos, enfatiza Aldebaran. AGRADECIMENTOS ESPECIAIS: Ao Sindpetro Norte Fluminense e Bárbara Bezerra, Carlos Peixoto e a Intertv, além dos parceiros de sempre: Fox Treinamento, Alternativa Internet, O Zé Gastronomia, Fortes contabilidade, Rinha das Artes. Gratidão”, declarou Aldebaran Bastos.

No segundo final de semana, nos dias 29 e 30 de maio, próximo sábado e domingo, a Mostra Competitiva terão como convidados, a cantora e compositora Kynnie Williams e o solo de dança da bailarina Lorena Bittencourt. No domingo, dia 30, apresentação do cantor e compositor, Fábio Guma, e da escritora e intérprete, Flávia Vasconcelos, e também atriz, diretora e intérprete, Fátima Jorge.

As apresentações são realizadas sempre, às 20h, pelo instagram @festim_festival e pelo canal do youtube, Festim Festival.

Crédito: Divulgação

Mais lidas da semana