Mídias Sociais

Cidades

Mercado Sebastião Lan, em Cabo Frio, terá que prestar contas

Publicado

em

 

Falta de transparência é a reclamação dos comerciantes do espaço

A administração do Mercado Municipal de Cabo Frio Sebastião Lan terá até o final desta semana para prestar constas ao Ministério Público sobre a arrecadação de taxa paga pelos usuários do espaço. A medida se faz necessária após denúncias de comerciantes, que atuam no local, sobre a falta de transparência.

Diante da determinação, os vereadores Rafael Peçanha (PDT) e Waguinho (PPS), o secretário de Agricultura, Gustavo Correa, e a administradora do mercado, Maria Marta, reuniram-se com o promotor Bruno Rinaldi Botelho, da 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva para avaliar o caso. Na encontro, ficou decidido que será apresentado um relatório detalhado contendo nome dos expositores, valores arrecadados e gastos, desde janeiro deste ano.

Segundo a administração do espaço, os valores arrecadados tem sido revertidos para melhorias no espaço e não há nada obscuro na movimentação financeira e os esclarecimentos serão prestados.

 

Mais lidas da semana