Mídias Sociais

Cidades

Hemolagos também está na campanha 'Sangue LGBTI também salva vidas'

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

Devido ao sucesso, a campanha 'Sangue LGBTI também salva vidas', que foi realizada em três hospitais públicos do estado na semana passada, vai ser estendida até o dia 31 de julho. Além disso, o Hemolagos, o Hemocentro da Região dos Lagos, em Cabo Frio, aderiu à campanha e estará participando até o dia 29. A campanha marca a passagem do Dia Mundial do Orgulho LGBTI (28 de junho) e a recente conquista, junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), do direito de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e intersexo, entre outros, também serem doadores.

Em Cabo Frio, a superintendência de políticas públicas LGBTI+ criou a campanha "Sangue bom é sangue sem preconceito" para incentivar a doação de sangue pelas pessoas LGBTI+ para abastecer o banco de sangue, que precisa de doações principalmente neste período de pandemia.

Logo após a decisão do STF, o superintendente de políticas públicas LGBTI+ em Cabo Frio, Matheus Cardoso, fez a sua primeira doação.  "Após o Supremo cair com essa resolução preconceituosa que impedia que nós da comunidade LGBT pudéssemos doar, eu vim aqui e tive uma experiência muito gratificante de poder ajudar o próximo doando o meu sangue, exercendo o meu papel de cidadão", disse Matheus.

O banco de sangue do Hemolagos atende as cidades de Araruama, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Casimiro de Abreu, Iguaba Grande, Rio das Ostras, Saquarema e São Pedro da Aldeia.

O Hemolagos está trabalhando com doações agendadas por telefone. O telefone de contato via WhatsApp é o (22) 99774-7988.

 

Mais lidas da semana