Mídias Sociais

Cidades

Governo inova e lucra com a Expo Macaé 2017, que promete gerar 500 empregos e movimentar a economia local

Publicado

em

 

Cidade Negra, Imagina Samba e o cantor Glauco Zulo estão entre as atrações com entrada franca

 

Bertha Muniz

A Prefeitura de Macaé inovou neste ano e resolver arrecadar fundos para os cofres públicos com a Expo Macaé 2017, marcada para ocorrer entre os dias 27 e 30 de julho, no Parque de Exposições Latiff Mussi, localizado no Barreto. Através de um processo licitatório para a contratação de empresa para organização produção, promoção, realização e comercialização do evento, o governo arrecadou R$ 150 mil com o aluguel do espaço.

Essa é a primeira vez na história em que a exposição agropecuária gera retorno ao município, já que a festa sempre foi bancada pelo governo.  O evento irá criar cerca de 500 empregos diretos e indiretos, contribuindo para o aquecimento e para movimentação da economia local.

Além disso, haverá dois dias de entrada gratuita para a população: na quinta-feira (27), com os shows do grupo Imagina Samba e do cantor Glauco Zulo e no sábado (29), com o show da banda Cidade Negra.

O valor dos ingressos para os shows de Jorge & Matheus e Luan Santana foram definidos pela empresa e fizeram parte da documentação entregue durante a licitação. Os ingressos para o show de Jorge & Matheus, que acontece na sexta-feira (28), custam R$ 40 (segundo lote da pista premium ), R$ 70 (segundo lote da área vip) e R$ 100 (segundo lote para o camarote).

Já os ingressos para a apresentação de Luan Santana no domingo (30), custam serão R$ 20 (primeiro lote da pista premium ), R$ 40 (primeiro lote da área vip) e R$ 70 (primeiro lote para o camarote). Para os dois shows há a opção de “Front Stage” com “open bar” e “open food”, com ingressos variando entre R$ 250 e R$ 300. A festa faz parte do calendário fixo de eventos da cidade e atrai não apenas moradores da cidade, como também visitantes e turistas de diferentes pontos do país.

Mais lidas da semana