Mídias Sociais

Cidades

Demandas da educação de Cabo Frio são debatidas entre representantes do município e do Sindicato

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

A Secretaria Municipal de Educação de Cabo Frio (Seme) esteve reunida com representantes do Sindicato dos Profissionais da  Educação (Sepe Lagos) para tratar sobre as demandas da educação municipal.

Um dos assuntos abordados foi a realização do novo concurso público, previsto para 2020, e a convocação dos aprovados no processo de 2009. A equipe da Seme destacou que superou o número de convocações acordadas com o Ministério Público. As demais vagas disponíveis na pasta foram preenchidas através de processos seletivos. Dentre os benefícios trazidos pela seleção está a diminuição dos comissionados, o que gerou uma economia da folha de pagamento da secretaria. A diminuição também possibilitou a restruturação pedagógica da pasta, além das melhorias no transporte de alunos no distrito de Tamoios com aumento no número de ônibus e contratação de monitores.

Já o número de vagas que será disponibilizado com o novo concurso público está sendo levantado e embasado através de um estudo detalhado realizado pela Comissão de Concurso, da qual a secretária-adjunta da Seme, Alice Moura, é integrante.

Outra pauta abordada foi a implementação da BNCC, a secretaria informou que vem realizando formações, debates e fóruns sobre o tema. A rede tem feito ainda estudos para adequação das matrizes curriculares de acordo com as competências e habilidades dos alunos, como exige a base comum ao país inteiro. Ainda não há definições quanto às possíveis alterações nas cargas horárias e no Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR).

No encontro também foi debatida também a importância da reposição presencial das aulas dos profissionais que aderiram à greve. Ficou firmado que o assunto será tratado em assembleias do sindicato.

“As reuniões com os representantes do Sepe são de grande importância pois conseguimos ouvir as demandas do sindicato, e também expor e debater as medidas tomadas pela secretaria”, afirmou a secretária da Seme, Márcia Almeida.

Mais lidas da semana